Huffpost Brazil

Moro é eleito 'líder influente' pela Time e afirma: 'Lava Jato não é seriado de TV'

Publicado: Atualizado:
SERGIO MORO
reprodução / tv globo
Imprimir

Em 21 de abril o juiz Sergio Moro viu seu nome estampado novamente nas manchetes: foi eleito pela revista americana Time uma das 100 personalidades mais influentes do mundo, na categoria "líderes".

Na última terça-feria (26), ele compareceu à festa dos homenageados pela revista ao lado de sua esposa, a advogada Rosangela Wolf Moro.

Ele é o único brasileiro na lista em que aparecem também Angela Merkel, Donald Trump, Bernie Sanders, Mauricio Macri, Barack Obama, Hillary Clinton, François Hollande, Vladimir Putin e Kim Jong Un.

Questionado por repórteres da TV Globo sobre a "pausa" nas investigações feitas pela Operação Lava Jato, Moro afirmou: "Operação Lava Jato não é seriado de TV, que tem que ter capítulo toda semana".

O juiz considerou sua nomeação como um símbolo que honra a instituição da qual faz parte. "Essa seleção honra muito a instituição, o trabalho institucional, isso eu tenho sempre dito, e acho que é o reconhecimento também que o Brasil toma passos importantes na prevenção e no combate à corrupção. Essa perspectiva eu acho muito positiva", declarou.

No texto publicado pela revista americana, ele é descrito como o "SuperMoro", o juiz que tem seu nome "cantado nas ruas como se fosse uma estrela de futebol".

"Mas Sergio Moro é apenas um juiz, embora um que trabalhe num escândalo de corrupção tão grande que poderia derrubar uma presidente -- e talvez mudar uma cultura de corrupção que há muito tem prejudicado o progresso de seu país", afirma a revista.

A Time descreve ainda a Operação Lava Jato como a investigação que "descobriu que propinas foram pagas a intermediários e políticos em troca de contratos da Petrobras, a companhia estatal de petróleo."

"O dinheiro é enorme, mas ainda maior é o impacto político, com centenas de legisladores sob investigação. Embora ela não tenha sido diretamente ligado a qualquer suborno, a presidente Dilma Rousseff agora enfrenta impeachment que, em parte por, é causado pelo trabalho de Moro", diz a revista.

O mini-perfil cita as críticas ao trabalho exercido pelo juiz, que é acusado de não respeitar parte dos processos legais em algumas condutas.

"Moro tem sido acusado de ignorar o devido processo legal, e ele tem estado mais do que dispostos a avaliar seus casos no tribunal da opinião pública. Mas a maioria dos brasileiros sente que suas táticas de 'cotovelos afiados' valem a pena por um país mais limpo".

LEIA MAIS:

- 'Eu MORO com ele': esposa de Sérgio Moro cria página para agradecer apoio ao juiz

- Ministros do STF criticam Moro e tiram processo sobre Lula das mãos do juiz

Também no HuffPost Brasil

Close
Personagens do Impeachment
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção