Huffpost Brazil
Grasielle Castro Headshot

Instabilidade política não impedirá ‘a melhor Olimpíada', diz Dilma

Publicado: Atualizado:
DILMA ROUSSEFF
Marcelo Camargo/ Agência Brasil
Imprimir

Nem mesmo o clima de instabilidade política impedirá o Brasil de fazer a “melhor Olimpíada”. Este é o desejo da presidente Dilma Rousseff, que sofre um processo de impeachment em tramitação no Senado Federal.

Ana cerimônia de acendimento da tocha, que chegou ao Brasil na manhã terça-feira (3), a presidente ressaltou o perfil acolhedor e unificador do País para garantir o sucesso dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016.

“Está pronto e nós trabalhamos para isso. Praticamente, todas as instalações esportivas nos centros olímpicos da Barra e de Deodoro estão prontas. Todos os 39 eventos-testes realizados até agora foram bem-sucedidos."

Embora não tenha repetido o discurso que tem feito denunciando o golpe no País, a presidente reconheceu as dificuldades políticas que existem no País. "O que vale é a luta e nós sabemos lutar", emendou.

"Conhecemos a instabilidade política. O Brasil será capaz de, mesmo convivendo com um período difícil, muito difícil, verdadeiramente crítico da nossa história e da história da democracia do nosso país, conviver porque criamos todas as condições para isso com a melhor recepção de todos os atletas e de todos os visitantes estrangeiros. Tenho certeza de que um país cujo povo sabe lutar pelos seus direitos e que preza e sabe proteger sua democracia é um país onde as Olimpíadas terão o maior sucesso nos próximos meses.”

Presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI) e do Comitê Rio-2016, Carlos Arthur Nuzman acrescenta que os jogos, por meio da tocha, trazem sentimento de união, inclusão e paz. "Aqui ela deve fazer mais, vai levar o ideal olímpico para todo o território nacional vai unir o país em torno dos jogos."

LEIA MAIS:

- Conheça a jovem refugiada que vai carregar a Tocha Olímpica

- Faltam 100 dias: ‘Ligada ao progresso, Olimpíada será realizada em um País em crise'

- O sonho acabou... César Cielo está fora da Olimpíada 2016

Mais no HuffPost Brasil:

Close
A trajetória de Fabiana Murer rumo Rio 2016
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção