Huffpost Brazil

Cissa Guimarães desabafa com indignação nas redes sociais sobre a sentença do garoto que matou seu filho atropelado

Publicado: Atualizado:
Imprimir

Na noite desta terça (3), a apresentadora de TV Cissa Guimarães postou um emocionante desabafo em seu Instagram.

O assunto foi o resultado do processo com os envolvidos na morte de seu filho, Rafael Mascarenhas, em julho de 2010.

Rafael Bussamra, o garoto que atropelou o filho da atriz, foi condenado a cumprir 3 anos e seis meses de serviços comunitários por homicídio culposo.

Seu pai, Roberto Bussamra, que pagou propina aos policiais para que não prendessem seu filho em flagrante e maquiassem as provas do atropelamento, pegou 3 anos e 10 meses também de serviço comunitário.

Cissa lamentou: "Fico pensando que depois de terem feito isto, que serviços comunitários perigosos essas pessoas prestarão à nossa sociedade. Medo. Tristeza. Injustiça."

Saio do julgamento d processo d meu filho Rafael #rafaelmascarenhas #rafiusk #anjorafael com o peso d sentença : 3 anos e alguns meses d serviço comunitário p homicídio p o atropelador/assassino d meu filho. 3 anos e alguns meses d serviço comunitário p corrupção p o pai d atropelador/assassino d meu filho. Ficarão livres prestando serviços comunitários. Fico pensando q depois d terem feito isto, que serviços comunitários perigosos essas pessoas prestarão à nossa sociedade. Medo. Tristeza. Injustiça. Agradeço c o que restou d meu coração à todas às manifestações d apoio, carinho e respeito q eu e minha família sempre recebemos nestes 6 anos sem nosso Rafa. Como diz Guimarães Rosa, "viver é muito perigoso". MUITA LUZZZZZ p nós! SALVE RAFAEL!!!!#paz #gratidão

A photo posted by Cissa Guimarães (@cissaguimaraes) on


Na primeira instância do processo, em janeiro de 2015, a deliberação do juiz tinha sido bem diferente.

Rafael tinha sido condenado a 7 anos em regime fechado e a 5 anos e 9 meses de semiaberto. Já seu pai tinha recebido a sentença de 8 anos e 9 meses em regime fechado. Os dois estavam soltos por causa de um habeas corpus e recorreram contra esta decisão, que foi julgada em segunda instância e teve resultado nesta terça (3).

João Velho, ator e filho de Cissa Guimarães, também demonstrou sua insatisfação com o resultado do processo que envolve a morte de seu irmão:

"A mensagem que está sendo passada pelos juízes que votaram é muito ruim, não só para nós da família, mas pra toda sociedade: Matar, e prometer dinheiro pra polícia não te prender, não é tão grave quanto pensamos."

Como o processo ainda não transitou em julgado -- ou seja, ainda não chegou a sua instância final --, ainda há a possibilidade de apelação para o Supremo Tribunal Federal. De acordo com João, "ainda não acabou".

LEIA MAIS:

- 8 celebridades que transformaram a tragédia em algo positivo

- Morte de Cathriona White: Namorada de Jim Carrey, Cathriona White, morre aos 28 anos

- 8 famosos e suas igualmente famosas últimas palavras ditas antes da morte