Huffpost Brazil

Renan Calheiros se diz 'parlamentarista' e cobra que Temer faça reforma política

Publicado: Atualizado:
Imprimir

calheiros

Minutos antes de iniciar a sessão pelo impeachment ou não da presidente Dilma Rousseff, em entrevista coletiva, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), disse ser "cada vez mais parlamentarista" e que "vai continuar parlamentarista".

Para o presidente da Casa, o processo de impeachment de um presidente é sempre "longo e traumático", mas que é fundamental que o Legislativo "cumpra seu compromisso com o Brasil".

"É fundamental o Legislativo cumprir seus compromissos com o Brasil e fazer as reformas. Não fizemos algumas reformas institucionais, principalmente a reforma politica e a do financiamento de campanhas eleitorais. Se não fizermos a reforma politica e não atualizarmos a Lei do Impeachment, vamos ter vários eventos semelhantes a esse na nossa história".

Segundo Renan, o financiamento tem sido o principal motivo de fazer com que o presidencialismo, no Brasil e no exterior, sofra.

"A democracia é planta frágil, que precisa ser regada todos os dias", diz o presidente da Casa.

Ele afirmou que, caso Michel Temer (PMDB) assuma, a prioridade devem ser as reformas, especialmente a política, que envolve o financiamento de campanha eleitoral.

Renan disse que sua relação com Temer "será igual" à que mantém com Dilma. Mas afirmou que irá "colaborar" com as reformas, mas não participará do governo.

Ele também não vai pretende votar e em nenhuma das fases do processo. "Não vou votar hoje, nem na sessão definitiva. O presidente do Senado não deve votar em nenhuma circunstância ", reforçou Renan.

LEIA TAMBÉM:

- O que são as pedaladas fiscais, que podem selar o impeachment de Dilma hoje

- Fracasso no diálogo deve levar Dilma a entregar governo ao PMDB

- Dilma: 'A História ainda vai dizer o quanto de violência contra mulher tem nesse impeachment'

- AGU vai ao STF contra impeachment e alega chantagem de Cunha

Também no HuffPost Brasil

Close
Impeachment na Imprensa Internacional
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção