Huffpost Brazil

Em livro, FHC diz que pressão de Michel Temer por cargos 'cheirava mal', diz El País

Publicado: Atualizado:
FHC E TEMER
Montagem/Getty Images
Imprimir

O presidente interino, Michel Temer, é um dos personagens citados no livro Diários da Presidência Volume 2 - 1997-1998, que traz tramas palacianas contadas pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). O livro, que será publicado semana que vem, descreve Temer como um político agressivo, que pressiona FHC para tentar emplacar nomes em cargos do primeiro escalão do Planalto. As informações são do El País.

Em um dos trechos em que o peemedebista é citado, o então presidente escreveu que Temer o pressionava para nomear Eliseu Padilha no Ministério dos Transportes, em 26 de abril de 1997. "O PMDB entrou em nível de chantagem (...) o Michel Temer (...) parece que ele quer nomear esse rapaz [Eliseu] Padilha (...) parece que está havendo aí um lobby muito forte”. Três dias depois, as investidas são reforçadas. “O Sérgio Motta (PSDB) foi a uma reunião na casa do Michel Temer, numa festa, e lá o Geddel, o líder do PMDB [na Câmara], dizia que se o Sérgio quisesse o FEF [Fundo de Estabilização Fiscal] tinha que nomear logo o ministro, tem que ser o Eliseu Padilha, uma coisa explícita. Eu já tinha decidido que não vou nomear Eliseu Padilha, (...) porque esta pressão está cheirando mal.”

Ler toda a história em El País

Também no HuffPost Brasil

Close
Os poemas de Michel Temer
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção