Huffpost Brazil

Filme brasileiro 'Cinema Novo' ganha prêmio de documentário no Festival de Cannes

Publicado: Atualizado:
CINEMA NOVO
Divulgação
Imprimir

O Brasil teve sua primeira vitória no Festival de Cannes 2016.

O documentário Cinema Novo, de Eryk Rocha, ganhou o prêmio Olho de Ouro neste sábado (21) - direcionado a obras documentais. O filme aborda o famoso movimento cinematográfico surgido no Brasil, nos anos 1960, e traz depoimentos de Cacá Diegues, Ruy Guerra e Nelson Pereira dos Santos - entre outros personalidades responsáveis pelo movimento.

O diretor do longa é filho de Glauber Rocha - principal figura do Cinema Novo.

cartaz

De acordo com a Folha de S. Paulo, júri da premiação - que foi realizada pela segunda vez na história do festival - reuniu o cineasta italiano Gianfranco Rosi, a diretora francesa Anne Aghion, a atriz belga Natacha Regnier e o produtor francês Theirry Garrel.

O crítico brasileiro Amir Labaki, fundador do festival de documentários É Tudo Verdade, completou o corpo de jurados.

Esse prêmio pode não ser o único que o Brasil levará em Cannes. Há outras duas produções com fortes chances de premiação neste domingo (22). Um deles é o curta A Moça Que Dançou Com o Diabo, de João Miranda Maria - que concorre à Palma de Ouro em sua categoria.

O segundo é o longa Aquarius, de Kleber Mendonça Filho, ogiado pela crítica e responsável por levar protestos contra o governo interino de Michel Temer ao tapete vermelho do evento. O filme pode levar algum prêmio do júri (direção) ou Palma de Ouro de melhor atriz para a protagonista Sonia Braga.

LEIA MAIS:

- Wagner Moura publica no Facebook uma foto de Pablo Escobar com sua família em segunda temporada de 'Narcos'

- Paródia de 'Dancing Queen' traz discussão sobre diversidade para o universo infantil (VÍDEO)

TAMBÉM NO HUFFPOST BRASIL

Close
10 filmes odiados pela crítica que foram indicados ao Oscar
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção