Huffpost Brazil

Autor de comentários racistas no Instagram de Ludmilla confessa crime e se apresenta à polícia

Publicado: Atualizado:
LUDMILLAAA
Reprodução/Instagram
Imprimir

O homem que fazia diversos comentários racistas no perfil do Instagram de Ludmilla confessou o crime e se entregou à polícia nesta terça-feira (24).

Hélder Santos tem 31 anos e é morador do Rio de Janeiro. De acordo com informações do jornal Extra, ele vai responder em liberdade pelo crime de injúria racial, com pena aumentada por ter sido um crime virtual.

Ludmilla formalizou a denúncia na tarde de segunda-feira (23) na Delegacia de Repressão Contra Crimes de Informática (DRCI), em Benfica, zona norte do Rio de Janeiro. Não demorou nem 24 horas até que o rapaz confessasse o crime.

Entenda

A cantora sofreu comentários de cunho racista em sua conta do Instagram na noite do último domingo (22).

Ludmilla, que tem 20 anos, foi chamada de "crioula" e "macaca" por um de seus seguidores. Para pedir ajuda sobre como lidar com esse tipo de crime e também expor o rapaz que a ofendeu, ela publicou fotos dos comentários racistas em seu perfil.

De acordo com a publicação da cantora, não foi a primeira vez que ela tinha sido agredida verbalmente por Santos.

A photo posted by Ludmilla (@ludmilla) on

LEIA MAIS:

- Rede TV! boicota Ludmilla após cantora processar Val Marchiori por comentários racistas no Carnaval, diz colunista

- TOMA! Ludmila responde ao comentário racista que Val Marchiori fez sobre seu cabelo: 'Tenho orgulho da minha raça'

- Luana Piovani e Pedro Scooby erram feio ao destilar racismo em comentários no Instagram