Huffpost Brazil

Dilma divulga nota sobre pagamentos a Joao Santana por campanha à reeleição

Publicado: Atualizado:
DILMA ROUSSEFF
Dilma Rousseff em coletiva de imprensa, em 13 de maio | Ueslei Marcelino / Reuters
Imprimir

A presidente afastada da República, Dilma Rousseff, esclareceu nesta quinta-feira, 26, por meio de nota, que todos os pagamentos feitos ao publicitário João Santana na campanha de reeleição da presidente totalizaram R$ 70 milhões (R$ 50 milhões no primeiro turno e R$ 20 milhões no segundo turno).

A presidente afirmou ainda que os referidos pagamentos foram regularmente contabilizados na prestação de contas aprovadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

De acordo com a assessoria de Dilma, os valores destinados ao pagamento do publicitário, conforme indica a prestação de contas, demonstram por si só a falsidade de qualquer tentativa de que teria havido outro pagamento não contabilizado para a remuneração dos servidos prestados.

"É curioso que pessoas que estiveram distantes da coordenação da campanha presidencial, de sua tesouraria, possam dar informações de como foram pagos e contabilizados os recursos arrecadados legalmente para a sua realização. Comentários feitos em conversas entre terceiros e que não apontam a origem das informações não têm nenhuma credibilidade", afirma.

A nota diz ainda que as tentativas de envolver o nome da presidenta Dilma Rousseff em situações das quais ela nunca participou ou teve qualquer responsabilidade são escusas e direcionadas. E só se explicam em razão de interesses inconfessáveis.

LEIA MAIS:

- Governo Temer anuncia que rombo deixado por Dilma Rousseff é de R$ 170,5 bi

- 'Queriam eliminar o combate à corrupção feito no meu governo', diz Dilma sobre Jucá

- Comissão do impeachment adia decisão de calendário para 2 de junho

Também no HuffPost Brasil:

Close
Impeachment: As reações da imprensa estrangeira ao afastamento de Dilma
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção