Huffpost Brazil

Após denúncia de assédio, Rio-2016 DESCONVIDA Biel do revezamento da tocha

Publicado: Atualizado:
MC BIEL
reprodução/instagram
Imprimir

O Comitê organizador das Olimpíadas Rio-2016 decidiu retirar Mc Biel da lista de participantes do revezamento da tocha. De acordo com informações do UOL, ele iria participar do evento em Fortaleza, nesta terça-feira (7). O seu substituto ainda não foi definido.

Ao site, a assessoria do comitê organizador argumentou que não gostaria que as polêmicas em que o artista está envolvido fossem associadas ao evento.

“A gente deseja que tudo transcorra da melhor forma para todas as partes, mas o revezamento quer passar uma mensagem de paz e não quer aliar o evento ou os conceitos de olimpismo a esse acontecimento.”

De acordo com o UOL, os representantes do músico alegaram que ainda não foram notificados sobre o desconvite, portanto, não tinham nada a declarar.

"Está tudo distorcido"

A coisa já não está fácil para o lado de Biel - e não há mesmo como defendê-lo.

Após uma jornalista denunciá-lo por assédio durante uma entrevista em que ele disse frases como "Se te pego te quebro no meio", o artista e seus familiares estão tentando relativizar a situação.

Primeiro, ele postou em seu instagram um ~mea culpa~: "Não consigo entender como não levaram na brincadeira já que a gente tava tratando de mim, né, cara que perde o amigo mas não perde a piada."

Sei que eu posso estar falando pra um monte de gente com o coração magoado por outros motivos e que pode querer vir aqui só pra descontar tal raiva na gente, sei que tem muita gente que não me conhece e tá lendo isso aqui... Mas queria dizer que estou triste... E como estou. Dentre as 3 pessoas mais importantes na minha vida, 2 são mulheres: @anenetwork e @gimarinsr. Não consigo entender como não levaram na brincadeira já que a gente tava se tratando de mim, né, cara que perde o amigo mas não perde a piada, e que na entrevista tivemos um clima totalmente descontraído, todo mundo ria, como adolescentes que somos e em nenhum momento a repórter se sentiu ofendida, tanto é que as brincadeiras continuaram assim como a entrevista... Machista? Nem homem me considero ainda pra ser prepotente ao ponto. Sou um menino, menino que brinca, menino sem papas na língua, menino que sorri... Infelizmente a felicidade acompanhada do sucesso incomoda, coisa que não deveria... Tudo não passou de um mal entendido e já está tendo as medidas cabíveis sendo tomadas. Só queria entender como que em sã consciência eu falaria tudo o que falei se fosse na maldade, sabendo que estava sendo filmado e ciente da presença de mais umas cinco pessoas na sala na hora da entrevista... Enfim, cabe a quem me conhece tirar as conclusões. E quem não conhece? Bom, pra quem não conhece, o lobo mau será sempre o vilão, né?! Se só escutarem a versão da chapeuzinho... Eu podia ter me explicado em programas de Tv, tive o convite de vários amigos apresentadores pra resolver isso... Mas eu devo satisfação apenas à vocês aqui, minhas baladeiras e baladeiros. Meu público que tá comigo e me ama! Agora chega, né gente... Vamos viver! Hoje tem show em Sorocaba! ALÔ, Sorocaba! Tô chegando, hein?! ♥️

A photo posted by Melhor assim. (@biel) on


Agora, seu pai, Sergio Rodrigues, em entrevista ao jornal Extra, quis terceirizar, e generalizar, o machismo do filho: "Qualquer moleque faz uma palhaçada dessas aí".

"Está tudo muito distorcido. O que já tinha que ser dito, foi dito nos autos do inquérito. Agora, é aguardar a apuração jurídica. Quanto à educação que a gente deu para ele, a gente não tem dúvida nenhuma do menino bom e exemplar que ele é. É muito triste as pessoas comprarem essa história de que meu filho é machista.

O fato aconteceu no dia 3 de maio, e ela só foi fazer o boletim de ocorrência no dia 11, depois de oito dias. Isso é coisa plantada mesmo para prejudicar o meu filho. Se realmente aconteceu o que ela diz, por que ela saiu, chorou no táxi, e não foi logo na delegacia? Por que ela esperou oito dias? Tinham vários outros jornalistas ali, e o que aconteceu foi uma piada. Nunca criei meu filho com pensamento machista. Ele é apaixonado pela mãe e pela irmã. Eu tenho mais de vinte sobrinhas, e ele respeita todas. Isso o que aconteceu é lamentável."

E continuou:

"Ele vai viver uma vida normal, apesar de ser um artista, ele é uma pessoa normal, que fala o que der na cabeça e brinca mesmo. Se pegar mal, fazer o quê? É o jeito dele, brincalhão, extrovertido, uma criança de 20 anos ainda. Meu filho está triste, porque muita gente acredita nessa história. Meu filho não tem maldade. Agora, falar que 'as feministas', os 'machistas'... Não existe isso. Qualquer moleque numa rodinha faz uma palhaçada dessa aí. Só que o momento que estamos vivendo hoje, esse assunto está em pauta, né?
(...) O meu filho não chegaria onde chegou se não fosse um menino bom."

A questão é: o quão difícil é reconhecer publicamente que, piada ou não, a cultura do estupro não pode e não será tolerada?

Coisa louca, hein?!

Ouça os trechos originais de conversa entre Biel e repórter do IG

Depois que diferentes veículos online vazaram trechos da entrevista em que Biel é acusado de cometer assédio sexual contra uma repórter do IG, o portal decidiu disponibilizar, pela primeira vez, os trechos de forma oficial “e com o intuito de garantir a divulgação da ordem correta dos acontecimentos”.

De acordo com nota, o site espera com esta divulgação ”dar fim às especulações em torno do caso e deixar nas mãos das autoridades que conduzem o inquérito policial a análise dos fatos”.

Ouça aqui.

LEIA MAIS:

- Estas são as caras da beleza feminina ao redor do mundo -- elas vão te impressionar

- 'Ele é assim mesmo': Esta é a justificativa para assédio de Biel a jornalista

- Biel sobre denúncia de assédio: 'Não consigo entender como não levaram na brincadeira'

Também no HuffPost Brasil

Close
Opiniões chocantes sobre estupro
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção