Huffpost Brazil

Pedro Pablo Kuczynski fica à frente na disputa presidencial do Peru

Publicado: Atualizado:
PPK
Pedro Pablo Kuczynski será presidente do Peru | Divulgação
Imprimir

O Escritório Nacional de Processos Eleitorais (ONPE, na sigla em espanhol) informou nesta quinta-feira (9) que o ex-economista do Banco Mundial Pedro Pablo Kuczynski, conhecido como PPK, ganhou a maioria dos votos nas eleições presidenciais mais disputadas em 54 anos no Peru, com 100% das urnas processadas.

A rival dele no segundo turno, Keiko Fujimori, ainda precisa se pronunciar sobre a derrota.

Quatro dias após a votação de domingo (5), o ONPE anunciou que 100% das atas eleitorais foram processadas.

Kuczynski ganhou 50,121% dos votos, ante 49,879% da rival.

Keiko aparecia à frente nas pesquisas, com pequena vantagem, mas enfrenta muita rejeição por ser filha do ex-presidente Alberto Fujimori, hoje preso após ser condenado por crimes contra a humanidade e corrupção.

Os partidários de Kuczynski celebraram após a atualização das apurações, nas proximidades da sede da campanha dele. O candidato enviou uma breve mensagem no Twitter, agradecendo o apoio.

Alguns votos, cerca de 50 mil, ainda são alvo de disputa e podem vir a ser contabilizados. Segundo especialistas, porém, é quase impossível que Keiko consiga reverter a vantagem, de cerca de 40 mil votos, para superar Kuczynski.

As informações são da Associated Press.

LEIA MAIS:

- PPK pode governar o Peru e a internet ainda não tem maturidade para lidar com isso

- Hotel no Peru tem cápsulas de dormir transparentes a 400m de altura (VÍDEO)

Close
Impeachment e Renúncias na América do Sul
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual