Huffpost Brazil

J.K. Rowling enviou flores e um lindo cartão para enterro de vítima do massacre em Orlando

Publicado: Atualizado:
Imprimir

J.K. Rowling se condoeu com todo o horror envolvido no massacre da boate gay Pulse, que aconteceu no dia 12 de junho em Orlando.

Entre as 49 pessoas que morreram neste dia estava Luis Vielma, um dos funcionários do parque temático de Harry Potter em Orlando, que tinha apenas 22 anos.

A escritora enviou flores e um cartão muito sensível ao funeral do rapaz, em que escreveu: "Para Luis, que morreu por amor, você nunca será esquecido".

A foto do cartão e da coroa de flores foi compartilhada nas redes sociais pelos fãs, emocionados pela sensibilidade de Rowling.

A escritora já havia manifestado sua indignação e dor nas redes sociais logo após o massacre acontecer. Ela tuitou uma foto de Luis vestido com uniforme de Hogwarts e disse:

"Luis Vielma trabalhava em uma montanha-russa de Harry Potter na Universal. Ele tinha 22 anos. Eu não consigo parar de chorar".

Em outro tuíte, Rowling colocou uma foto do teatro em Londres onde a peça Harry Potter and the Cursed Child vai estrear, enfeitado com a bandeira LGBT, e escreveu "#AmoréAmor #AmorParaOrlando"

Os funcionários do parque de Harry Potter em Orlando também prestaram uma homenagem emocionante a Luis.

No dia seguinte ao atentado, eles se reuniram na parte de fora do parque e ergueram suas varinhas ao céu -- fazendo alusão à homenagem que bruxos fazem quando um deles morrem.

LEIA MAIS:

- O massacre de Orlando é um lembrete doloroso dos perigos que a população LGBT enfrenta todos os dias

- Orlando é aqui: Professores gays foram carbonizados no interior da Bahia

- Extrema direita cristã dos EUA celebra ataque que matou 49 em Orlando: 'Deus enviou o atirador'

Também no HuffPost Brasil

Close
Elenco de Harry Potter and the Cursed Child
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção