Huffpost Brazil

Preso por corrupção, prefeito elogiado pela mulher na sessão do impeachment tenta reeleição

Publicado: Atualizado:
RUY MUNIZ
Montagem/Reprodução/Facebook/Senado
Imprimir

Afastado do cargo de prefeito de Montes Claros (MG), o marido da deputada Raquel Muniz (PSD), Ruy Muniz (PSB), vai se candidatar a reeleição. Ruy foi elogiado por Raquel na votação do impeachment. Ao se declarar a favor do impedimento da presidente afastada Dilma Rousseff, a deputada enalteceu a atuação do marido. No dia seguinte, ele foi preso por corrupção.

"Meu voto é para dizer que o Brasil tem jeito, o prefeito de Montes Claros mostra isso para todos nós com sua gestão", disse a deputada.

Acusado de prejudicar os hospitais do Sistema Único de Saúde da cidade em detrimento do Hospital Mário Ribeiro, da rede educacional administrada por sua família, Ruy foi solto na quarta-feira (18). Após a decisão da Justiça, ele anunciou que pretende ser candidato à reeleição.

Embora a prisão preventiva tenha sido revogada, ele segue afastado da prefeitura. A intenção do socialista é voltar o mais rápido possível ao cargo:

"Todos querem nossa volta. Fui preso por lutar pela saúde do povo de Montes Claros e vou continuar lutando para que todos tenham acesso à saúde. Ainda não posso interferir na administração municipal. Mas vou participar normalmente da convenção do meu partido", disse, segundo o UOL.

LEIA TAMBÉM:

- Deputada dedicou seu voto a favor do impeachment ao marido. E ele foi preso nesta segunda-feira por corrupção

- PF diz que fraudes do prefeito de Montes Claros atingiram 1,6 milhão de pessoas

Mais no HuffPost Brasil:

Close
Líderes mais decepcionantes do mundo
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção