Huffpost Brazil

De BMW e Mercedes-Benz: Como vice-presidente, as viagens de Michel Temer eram um luxo só

Publicado: Atualizado:
Imprimir

michel temer

Uma reportagem da Folha de S. Paulo assinada pelo repórter Rubens Valente mostra que o presidente interino Michel Temer não economizava em suas viagens internacionais quando ainda era vice-presidente de Dilma Rousseff.

Segundo levantamento do jornal, entre 2011 e 2016, Temer fez ao menos 15 viagens internacionais.

Em viagem uma viagem à Turquia, foram gastos US$ 16 mil (R$ 52 mil) por três diárias em um quarto duplo no hotel de luxo Conrad, em Istambul. Temer esteve no país, entre 30 de maio e 2 de junho, para participar da "2ª Conferência de Istambul sobre a Somália".

Chama a atenção também o tamanho da comitiva: Foram 30 pessoas, entre servidores do Itamaraty, assessores e militares da equipe de segurança ao custo de US$ 56 mil apenas em diárias em dois hotéis.

Os luxos do atual presidente interino também se estendiam ao aluguel de duas Mercedez Benz, seis BMW. Os carros custaram US$ 21 mil, pagos com dinheiro público.

Ainda de acordo com a Folha, a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República disse que, como vice, Michel Temer "sempre procurou economizar recursos públicos em seus deslocamentos ao exterior".

LEIA TAMBÉM:

- Vaiado e aplaudido, Temer diz que Rio 2016 vai unir brasileiros

- Dilma diz que impeachment é misógino: 'Fui pintada como fria, insensível e histérica'

- Temer arma 'flagrante' com Marcela e Michelzinho na volta às aulas do filho

- Fora Temer e fora Dilma: Maioria dos brasileiros quer novas eleições, diz pesquisa

Também no HuffPost Brasil

Close
Parada do Orgulho LGBT faz Paulista BRILHAR contra a transfobia e governo Temer
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção