Huffpost Brazil

Apesar de estar 'preparadíssimo', organização das Olimpíadas vai tentar abafar as vaias contra Temer

Publicado: Atualizado:
MICHEL TEMER
Michel Temer disse estar preparado para as vaias | Ueslei Marcelino / Reuters
Imprimir

O presidente em exercício Michel Temer afirmou estar "preparadíssimo" para as possíveis vaias que podem ocorrer durante o seu pronunciamento na cerimônia de abertura das Olimpíadas 2016.

"Estou preparadíssimo para as vaias. No Maracanã, como dizia o Nelson Rodrigues, se vaia até minuto de silêncio. Estou preparadíssimo, não tenho a menor dúvida disso. E tenho de cumprir esse dever institucional. Aliás, eu soube que os ex-presidentes nem vão. A brincadeira é que eles estão reservando as vaias só para o presidente”, afirmou em entrevista ao Zero Hora.

Porém, a organização da cerimônia pretende dificultar que a manifestação do público presente seja reverberada. De acordo com a apuração da Folha, a equipe está preparando uma operação para abafar as vaias.

Após a fala do presidente em exercício, que deve durar 10 segundos, a estratégia é aumentar o som de uma música ou efeito sonoro de fundo no máximo volume no estádio. Assim, será difícil para as emissoras de televisão captar as manifestações.

A participação do presidente interino na abertura, que é uma tradição deste tipo de cerimônia, vai se restringir à frase "Declaro abertos os Jogos do Rio, celebrando a 31ª Olimpíada da era moderna".

Temer, contudo, não é o único que deve lidar com as vaias em momentos públicos como este. No jogo de estreia da Copa, em 2014, a presidente Dilma Rousseff foi xingada e vaiada no minimo quatro vezes. Lula também já foi vaiado em pleno Maracanã, na abertura dos Jogos Panamericanos.

LEIA MAIS:

- Temer pressiona e Renan antecipa votação do impeachment para dia 25

- Prestes a ser cassado, Eduardo Cunha prepara dossiê sobre aliados de olho em delação

Também no HuffPost Brasil

Close
Os poemas de Michel Temer
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção