Huffpost Brazil

Papa almoça com refugiados sírios no Vaticano

Publicado: Atualizado:
POPE FRANCIS REFUGEE
Pope Francis greets migrants and refugees at the Moria refugee camp near the port of Mytilene, on the Greek island of Lesbos, April 16, 2016. REUTERS/Filippo Monteforte/Pool | POOL New / Reuters
Imprimir

O papa Francisco almoçou nesta quinta-feira (11), na Casa Santa Marta, onde mora, com um grupo de 21 refugiados sírios que vieram da ilha de Lesbos, na Grécia, porta de entrada de imigrantes ilegais na Europa.

O primeiro grupo, de 16 pessoas, veio junto com o líder religioso no avião papal, quando ele retornava de uma visita à ilha, ocasião que visitou os refugiados presos no local. O segundo grupo chegou em meados de junho. Atualmente eles vivem na Comunidade de Sant'Egidio, em Roma, e são sustentados pela Igreja Católica.

Em nota, o porta-voz do Vaticano, Greg Burke, explicou que "tanto os adultos quanto as crianças tiveram a oportunidade de conversar com o papa Francisco sobre o início de suas vidas na Itália". As crianças presentearam o papa com desenhos e ele contribuiu com brinquedos e outros presentes.

Em abril, Francisco realizou uma visita a um campo de refugiados em Lesbos junto aos líderes religiosos ortodoxos, o patriarca de Constantinopla, Bartolomeu I, e o arcebispo de Atenas, Jerônimo II.

Desde que assumiu a liderança da igreja católica, em março de 2013, o papa faz apelos de ajuda aos imigrantes
. Um de seus primeiros compromissos foi visitar a ilha italiana de Lampedusa, no mar Mediterrâneo, onde diariamente dezenas de embarcações com imigrantes tentam chegar ao continente europeu. Desde o ano passado, a Europa enfrenta o maior fluxo de deslocamento forçado de pessoas desde o fim da II Guerra Mundial (1939-1945).

LEIA TAMBÉM:

- 'Não imaginava estar aqui'. Popole garante 1ª vitória dos refugiados e ❤ do público

- O poder do esporte: 200 mil refugiados vão assistir às Olimpíadas no Quênia

- Ela fugiu da guerra na Síria nadando. E hoje vai nadar na Rio 2016

Também no HuffPost Brasil

Close
Angelina Jolie em campo de refugiados
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção