Huffpost Brazil

'Aquele show não é de música', diz Adele ao negar convite para cantar no Super Bowl

Publicado: Atualizado:
Imprimir

A cantora britânica Adele decepcionou muita gente ao contar que recusou o convite para cantar no intervalo do Super Bowl.

Ela falou sobre os boatos durante um show da sua turnê mais recente - a 25 - no Staples Center, em Los Angeles.

"Antes de tudo, eu não vou cantar no Super Bowl. Quer dizer, veja só, aquele show não é de música. Eu não consigo dançar nem nada desse tipo. Eles foram muito gentis, me convidaram, mas eu disse não".

Ela também aproveitou para chamar de "estúpidos" os rumores sobre uma possível gravidez e para brincar, dizendo que teria um "bebê de queijo".

No entanto, os dois principais patrocinadores do evento, marcado para o dia 5 de fevereiro do ano que vem, lançaram um comunicado no qual negam que tenham feito o convite oficial à artista.

"O NFL e a Pepsi são grandes fãs da Adele. Nós conversamos com alguns artistas sobre o show. No entanto, nós ainda não fizemos uma oferta formal para a Adele ou qualquer outro artista. Nós estamos focados em organizar um show fantástico em Houston e estamos ansiosos para revelar [a atração] quando for a hora".

A cantora britânica normalmente recusa convites para cantar em granes eventos. Neste ano, no entanto, ela parece ter aberto uma exceção na regra para cantar no consagrado festival de Glastonbury, no Reino Unido.

LEIA TAMBÉM:

- Adele convida indicada ao Grammy para subir ao palco (sem saber quem ela era)

- ASSISTA: Adele dá 'selinho' em fã por acidente e leva público à loucura

- 160 mil pessoas cantam Someone Like You com Adele no festival de Glastonbury em vídeo emocionante

Também no HuffPost Brasil

Close
Artistas Contra Trump
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção