Huffpost Brazil

Em 'Relationship': Casal transexual coleciona fotos íntimas de sua vida a dois

Publicado: Atualizado:
Imprimir

casal

“Seja eu o que for, e não importa o que me tornei desde então, sei agora que ser escorregadia não é tudo”, escreve Maggie Nelson em seu livro de memórias poéticas The Argonauts.

“Hoje sei que ser intencionalmente evasiva tem suas limitações, suas maneiras próprias de inibir certas formas de felicidade e prazer. O prazer de permanecer. O prazer da insistência, da persistência. O prazer do compromisso, o prazer da dependência.”

O livro é uma ode ondulante a seu relacionamento com o artista genderfluid Harry Dodge. Quando escreve sobre o namoro e o casamento deles, Nelson abraça a libertação das normas de gênero e, ao mesmo tempo, jura fidelidade a um relacionamento com compromisso.

Assim, ela é uma autora apropriada para colaborar com um livro de fotos e textos sobre um casal como outro qualquer – duas pessoas que deixam bilhetinhos de amor rabiscados sobre guardanapos, que se fotografam comendo melancia e que passam tempo em seu sofá bege --, com a diferença que nenhuma das duas adere a classificações binárias de gênero e que ambas estão passando por uma transição.

“Já virou comum dizer que o gênero pode ser entendido como uma relação que temos com nós mesmos, enquanto a sexualidade é essencialmente vivida na relação com outro”, escreve Nelson em Relationship, que traz as fotos informais feitas por um casal de transexuais, os artistas Zackary Drucker e Rhys Ernst, vivendo seu amor.

As fotos captam Drucker e Ernst espreguiçando-se sobre lençóis amassados, segurando laranjas descascadas, ao lado de piscinas com cinzeiros cheios. Cada imagem é um instantâneo da vida. Folhear as imagens do livro é como percorrer as fotos de um casal no iPhone, passando por imagens posadas, casuais e íntimas.

Rhys explica o projeto na introdução do livro, escrevendo:

“Se tivéssemos nos conhecido em outra fase de nossas vidas, talvez o impulso para nos documentarmos não teria sido tão forte. Mas passávamos pelas dores nada elogiosas de uma nova puberdade, e cada um de nós estava aprendendo com a história de gênero do outro.”

Coletivamente, as imagens projetam a ideia de que o gênero não passa de uma representação, na medida em que qualquer relacionamento o é. Há momentos de pura individualidade e momentos em que o eu particular de uma pessoa se aninha junto ao eu particular de outra, um dando forma ao outro.

Veja abaixo imagens de Relationship, publicado pela Prestel.

  • © Zackary Drucker & Rhys Ernst
  • © Zackary Drucker & Rhys Ernst
  • © Zackary Drucker & Rhys Ernst
  • © Zackary Drucker & Rhys Ernst
  • © Zackary Drucker & Rhys Ernst
  • © Zackary Drucker & Rhys Ernst
  • © Zackary Drucker & Rhys Ernst

Também no HuffPost Brasil:

Close
Miss Tiffany Transsexuals
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção