Huffpost Brazil

Ministério Público vê risco de Cláudia Cruz fugir do País

Publicado: Atualizado:
EDUARDO CUNHA CLAUDIA CRUZ
EVARISTO SA via Getty Images
Imprimir

O Ministério Público Federal acredita que há risco de a jornalista Cláudia Cruz, esposa do deputado afastado, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), possa fugir do País. Isso porque há chances de ela ainda manter contas no exterior.

“Não obstante a conta Kopek estar bloqueada desde 7 de abril de 2015, existe real possibilidade de Cláudia Cordeiro Cruz e/ou seus familiares manterem outras contas bancárias no exterior, havendo risco concreto de eventual fuga e utilização de ativos secretos ainda não bloqueados caso o passaporte seja devolvido”, alertaram os procuradores em ofício enviado ao juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato na primeira instância.

A declaração do Ministério Público foi uma negativa ao pedido de devolução do passaporte da jornalista. Os procuradores afirmaram ainda que e a ocultação de patrimônio constitui "causa para decretação da medida cautelar da prisão preventiva".

Cláudia Cruz é ré por lavagem de dinheiro e de evasão de divisas. Os investigadores apontam que ela pagou despesas luxuosas em viagens internacionais com dinheiro desviado da Petrobras.

O casal teve os bens bloqueados pela Justiça Federal em uma ação civil de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Federal, cobrando R$ 80,67 milhões do parlamentar e mais R$ 17,8 milhões da jornalista.

O valor corresponde ao acréscimo patrimonial ilícito do casal e ressarcimento do dano causado na compra de campo de petróleo em Benin, na África, em 2011. De acordo com as investigações, o negócio teria resultado numa propina de US$ 10 milhões, parte dela repassada ao peemedebista.

O patrimônio de Cláudia Cruz saltou de R$ 1.617.519,09, em 1.º de janeiro de 2008, para R$ 4.029.025.65, em 31 de dezembro de 2014. Um crescimento de 149%, segundo dados da Receita Federal.

O advogado Pierpaolo Bottini, responsável pela defesa da jornalista, afirmou que ela "declarou seus bens no exterior, entregou espontaneamente seu passaporte e se apresentou para prestar depoimento, demonstrando sempre sua intenção de colaborar com as investigações e provar sua inocência.”

LEIA TAMBÉM

- Sérgio Moro tenta intimar Cláudia Cruz na Lava Jato. E mais uma vez ela some

- Xiiiii... Cláudia Cruz 'foi encontrada' por Moro. E tem 10 dias para se defender

- Mistério revelado: O que os olhos bem abertos de Cláudia Cruz veem

Também no HuffPost Brasil:

Close
Hotéis de luxo frequentados por Cunha e família
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção