Huffpost Brazil

Guerreiras! Larissa e Talita fazem jogaço contra americanas, mas perdem no tie break

Publicado: Atualizado:
VOLLEY BEACH
Brazil's Talita Rocha (L) reacts during the women's beach volleyball bronze medal match between Brazil and the USA at the Beach Volley Arena in Rio de Janeiro on August 17, 2016, for the Rio 2016 Olympic Games. / AFP / Yasuyoshi Chiba (Photo credit should read YASUYOSHI CHIBA/AFP/Getty Images) | YASUYOSHI CHIBA via Getty Images
Imprimir

As brasileiras Larissa e Talita e as americanas Walsh e Ross iniciaram a disputa no Rio de Janeiro como as grandes favoritas ao ouro, mas caíram nas semifinais mesmo depois de boas campanhas na primeira fase. Nesta quarta-feira à noite, elas entraram em quadra para disputar a medalha de bronze no vôlei de praia.

Era um jogo entre campeãs olímpicas: Larissa conquistou o bronze em Londres e a lenda Walsh levou sua terceira medalha de ouro para casa na capital londrinha.

O clima era de tensão no começo da partida. As duas duplas se conhecem muito bem. Sempre estão nas finais dos torneios mundiais. Tudo deu para as brasileiras nos primeiros pontos: um bloqueio e um ace. Mas Walsh, a tricampeã em Olimpíadas, mostrou sua força habitual e equilibrou novamente o jogo. Era ponto lá e cá durante todo o set, com aquela rivalidade habitual de Brasil e Estados Unidos no vôlei.

Mas parece que Walsh e Ross relembraram a derrota de ontem contra Ágata e Bárbara. Sentiram o saque das brasileiras e erraram muito no final do set. As nossas meninas abriram quatro pontos de vantagem. Tudo o que elas não conseguiram acertar contra as alemãs, se reverteu em pontos contra as americanas. O jogo desta noite foi uma aula de defesa das brasileiras, com uma vitória por 21 a 17.

volley

O Rio de Janeiro não tem perdoado Walsh. A jogadora americana errou como nunca no seu currículo de Olimpíadas. As brasileiras saltaram na frente do segundo set. O bronze estava cada vez mais perto. Estava. Quando Ross e Walsh resolvem jogar fica difícil superar as americanas. Em uma virada surpreendente, elas viraram o jogo no segundo set: vitória por 21 a 17.

Tie break em que o coração não sai pela boca, não é tie break. As americanas pontuavam. As brasileiras também. No final do jogo, Walsh e Ross tiveram mais força para finalizar os pontos e não deu para nossas meninas. Não conseguimos o bronze. Obrigado pelo esforço, Larissa e Talita!

volley

Também no HuffPost Brasil

Close
Vila Autódromo: Medalha de ouro em resistência
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção