Huffpost Brazil

Seleção feminina perde para o Canadá e termina em quarto lugar na Rio 2016

Publicado: Atualizado:
SOCCER
Paulo Whitaker / Reuters
Imprimir

Não era o final feliz que todos os brasileiros queria, mas como nossa Marta diz "alguém ganha e alguém perde". E as nossas meninas entraram em campo no Itaquerão, em São Paulo, com muita raça. As feridas da derrota contra a Suécia, no entanto, ainda não estavam cicatrizadas. O Brasil não conseguiu a tão sonhada medalha no futebol feminino e perdemos de 2 a 1 para o Canadá.

soccer

O jogo começou melhor para as canadenses, que tinham mais organização na partida. Marta e Cristiane estavam bem marcadas e quando o Brasil subia ao ataque era desorganizado. Tão desorganizado que aos 24 do primeiro tempo demos um contra-ataque fatal para o Canadá.

A jogadora Lawrence ganhou de Fabiana na corrida pela esquerda, olhou para a área e encontra Rose livre para finalizar, sem chances para Bárbara. O Canadá abria o placar na Arena Corinthians.

No segundo tempo, a história se repitiu. O Brasil voltou jogando mal, desconcentrado e logo aos sete minutos Fleming
Fleming lançou Rose pela direita, e a atacante invadiu a área sozinha. No cruzamento rasteiro, a capitã Sinclair ganhou da zaga brasileira e só teve o trabalho de escolher o canto para marcar o segundo gol canadense. O bronze estava mais longe das nossas meninas.

Após o segundo gol, as meninas foram ao ataque e aos 33 minutos marcamos o primeiro gol com Bia, colocando fim a um jejul de 412 minutos sem marcar.

A única alternativa nos minutos finais era pressionar, mas não deu. A seleção terminou a Olimpíada em quarto lugar. E nós sinceramente esperamos que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não se lembre apenas da nossa seleção em Tóquio 2020. Que tenhamos organização e investimento no futebol feminino e que as promessas virem realidade - o mais rápido possível. Obrigado por tudo, meninas!

Também no HuffPost Brasil

Close
13 atletas LGBT que brilham na Olimpíada
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção