Huffpost Brazil

Serginho anima treino de seleção paralímpica e afirma: 'O vôlei tradicional é muito fácil'

Publicado: Atualizado:
Imprimir


volei

As seleções paralímpicas já estão na reta final das preparações para os Jogos. Desde a última segunda-feira (22), os times brasileiros iniciaram a aclimatação no centro de treinamento do Comitê Paralímpico.

Mas o time de vôlei teve uma surpresa durante um dos treinos. Os atletas paralímpicos receberam a visita de Serginho, o líbero da seleção que conquistou o ouro na Olimpíada.

O atleta foi conhecer de perto como são as técnicas dos atletas paralímpicos que jogam o vôlei sentados.

"Foi a minha primeira experiência jogando vôlei sentado e é muito difícil. O que esses meninos fazem dentro da quadra não é fácil. Tem que ter força de vontade e o sonho no coração. O vôlei tradicional é muito fácil perto disso aqui!"

O vôlei sentado surgiu da junção do vôlei com o sitzbal, um esporte alemão praticado por pessoas com pouca mobilidade, mas sem a rede. A modalidade é disputada oficialmente desde as Paraolimpíadas de Arnhem, em 1980, na Holanda.

Em Londres, o time brasileiro ficou em quinto lugar. Na Rio 2016, os atletas vão brigar pelo pódio.

"No Rio, o Brasil vai em busca de medalha, tanto no masculino e no feminino. Principalmente entre os homens, eu acredito na participação em uma final, na briga pelo ouro. Não acho impossível", afirmou o atleta Amauri Ribeiro.

LEIA MAIS:

- Paulinho Vilhena sobre campanha: 'Vão ficar de mimimi ou se unir a nossos super-heróis?'

- Venda de ingressos da Paralimpíada bate recorde: 133 mil vendidos em um só dia

- A Paralímpiada não é feita de 'coitadinhos'. Mas de atletas de ALTÍSSIMO rendimento

Também no HuffPost Brasil

Close
Paralimpíadas: Os principais atletas brasileiros
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção