Huffpost Brazil

Evo Morales ameaça chamar embaixador se Dilma for definitivamente afastada

Publicado: Atualizado:
EVO MORALES DILMA ROUSSEFF
Enrique Marcarian / Reuters
Imprimir

O presidente da Bolívia, Evo Morales, afirmou em sua conta no Twitter nesta terça-feira (30), que se a presidente afastada Dilma Rousseff sair permanentemente do poder após a votação no Senado nesta quarta-feira (31), vai convocar o embaixador boliviano no Brasil.

"Defendemos a democracia e a paz", afirmou Morales.

Esse tipo de atitude, na diplomacia, demonstra a insatisfação de uma nação em relação a outra.

"Com seu processo injusto pretendem conter a rebelião de seu povo e expulsar os pobres, negros e mulheres do poder", afirmou ainda Morales.

"Sua luta é a mesma luta que livram nossos povos na América Latina e no mundo do poder econômico de poucos. O único juiz que pode sancionar sua conduta política e seu povo, os outros cumprem o vergonhoso encargo do império", concluiu o líder, que ainda criticou o "manto de impunidade" que favorece os ex-presidentes de direita.

LEIA MAIS:

- 'Nossos fantasmas se encontrarão nos livros', diz Cristovam a Lindbergh

- Após protesto contra Temer, número dois de Janot é exonerada

- Collor diz que impeachment de Dilma é 'remédio constitucional de urgência para presidencialismo'

Também no HuffPost Brasil

Close
Impeachment de Dilma Rousseff
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção