Huffpost Brazil

Sergio Moro manda soltar Guido Mantega por saúde da mulher

Publicado: Atualizado:
SERGIO MORO
Sergio Moro manda soltar Guido Mantega | NELSON ALMEIDA via Getty Images
Imprimir

Responsável pela Operação Lava Jato, o juiz Sergio Moro revogou no início da tarde desta quinta-feira (22) a prisão temporário do ex-ministro Guido Mantega. Ele foi preso nesta manhã por ocasião da 34ª fase das investigações.

Segundo o G1, Moro alegou que ele, a Polícia Federal e os procuradores federais não sabiam do estado de saúde da esposa do ex-titular da Fazenda. Mantega foi preso no hospital Albert Einstein, no Morumbi, zona sul da capital paulista. A esposa dele passa por uma cirurgia.

De acordo com Moro, a liberdade do ex-ministro não compromete a coleta de provas, que está ocorrendo ao longo desta quinta.

A fase batizada de Arquivo X investiga crimes de corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo obras da Petrobras para exploração do pré-sal.

De acordo com nota do Ministério Público Federal no Paraná, em julho de 2012, o Consórcio Integra Offshore, formado pelas empresas Mendes Júnior e OSX, firmou contrato com a estatal no valor de US$ 922 milhões, para a construção das plataformas P-67 e P-70.

Segundo policiais federais, Mantega teria atuado em 2012 com o comando dessas empresas para que elas pagassem dívidas de campanha do "partido político da situação" [PT] com o dinheiro recebido pelo contrato com a Petrobras.

LEIA MAIS:

- Nova fase da Operação Lava Jato prende ex-presidente da OSX e investiga Eike Batista

- Ministério Público Federal diz que detenção de Mantega em hospital foi 'coincidência infeliz'