Huffpost Brazil

'Ustra torturou quem mereceu, como as feministas', ouvem candidatas em São Paulo

Publicado: Atualizado:
CANDIDATAS
Montagem / Reprodução Facebook
Imprimir

"Disseram que o coronel [Carlos Brilhante] Ustra [agente da ditadura militar] torturou quem mereceu, como as feministas", disse à Folha de São Paulo a funcionária pública Sâmia Bomfim, candidata a vereadora pelo PSOL na cidade de São Paulo.

Ela e 388 mulheres que disputam uma vaga na Câmara Municipal da capital paulista enfrentam episódios recorrentes de machismo durante a campanha.

Formada em administração pela Fundação Getúlio Vargas e ex-coordenadora na área de sustentabilidade da Natura, Marina Helou (Rede), reclama por questionarem sua legitimidade por ser jovem e mulher. "Já me perguntaram o que meu marido acha de eu me candidatar, o que uma menina tão novinha vai fazer lá. Dizem que política não é lugar pra mim", disse à coluna da jornalista Monica Bergamo.

Estudante de direito na USP, Maíra Pinheiro (PT), relata casos de assédio enquanto entregava panfletos em locais públicos. "É muito desagradável. Aí você fica brava com o desrespeito e dizem que 'é só um elogio'. Eu até deixo beijar, abraçar, voto é voto, né? Mas se passar dos limites eu corto", afirma. "Tem gente que xinga mesmo, que não gosta de feminista. Fala palavrão, chama de puta, mal-amada", completa.

Também na disputa do legislativo paulistano, a advogada formada pela Pontifícia Universidade Católica e especialista em casos de assédio contra a mulher, Isa Penna (PSOL) destaca os questionamentos frequentes sobre marido, pai ou namorado. "Me incomoda porque é basicamente: quem é o seu dono e o que ele acha disso?"

"Esse machismo estrutural, que a pessoa nem percebe, é ruim, mas não é o pior. Duro é discurso de ódio, misoginia pura. Já teve homem falando sobre meu corpo, fazendo barulhos obscenos antes de debate para intimidar e desestabilizar", completa a candidata.

LEIA TAMBÉM

- Explicamos a diferença entre voto branco e nulo e por que voto nulo NÃO pode anular eleição

- Você estudou BEM quem é seu candidato a vice-prefeito?

Também no HuffPost Brasil:

Close
As 10 mulheres mais poderosas em 2016
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção