Huffpost Brazil

Mortes no trânsito caem 3 vezes mais na cidade de São Paulo em relação ao Estado, aponta pesquisa

Publicado: Atualizado:
Imprimir

car crash sao paulo

As mortes em acidente de trânsito caíram na cidade de São Paulo três vezes mais do que no Estado, segundo dados do Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga). As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Entre janeiro e agosto deste ano, a queda é de 16,7%, 645 ocorrências. No mesmo período do ano passado, foram registradas 775 ocorrências. Enquanto isso, quando comparado com o Estado, a queda é de 5,5%, de 4.093 para 3.867 mortes.

A pesquisa foi produzida pelo Infosiga, uma parceria da gestão Geraldo Alckmin (PSDB) com o setor privado, como Ambev (bebidas), Abraciclo (que reúne fabricantes de motos), bancos e seguradoras.

Segundo especialistas ouvidos pelo jornal, a queda no número de vítimas fatais na capital mais acentuada quando comparada com o Estado é fruto da política de redução de velocidade implementada na gestão Fernando Haddad (PT).

"Se o carro está a 32 km/h, o acidente é capaz de produzir o óbito em 5% dos casos. Se está a 45 km/h, já sobe para 48%. E se o veículo está a 64 km/h, vai produzir óbito em 85% dos casos", afirma Dirceu Rodrigues Alves Júnior, da Associação Brasileira de Medicina de Trânsito (Abramet), em fala ao jornal.

O prefeito eleito João Doria (PSDB) promete ampliar a velocidade nas marginais na primeira semana de 2017. Ele já afirmou que estudos que apontam relação entre queda no número de mortes e a velocidade são "balela".

Também no HuffPost Brasil

Close
Inauguração da ciclovia na Av. Paulista
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção