Huffpost Brazil

Este simulador mostra como reduzir a velocidade ajuda a diminuir o trânsito

Publicado: Atualizado:
Imprimir

A redução do limite de velocidade de vias de São Paulo irritou muitos paulistanos e contribuiu para a rejeição do ex-prefeito Fernando Haddad (PT).

O petista alega que a redução do limite aumenta a segurança, evitando acidentes de trânsito, e, ao mesmo tempo, melhora o tráfego, aumentando a velocidade média dos carros.

Mesmo assim, opiniões contrárias à redução ganharam força e paulistanos elegeram João Dória (PSDB) a prefeito de São Paulo, que tinha como uma das principais propostas voltar às velocidades máximas, de 90 km/h, 70 km/h e de 60 km/h. O empresário afirmou que irá aumentar o limite de velocidade das marginais Tietê e Pinheiro já na primeira semana de governo.

O debate gerou grande repercussão para a plataforma Simulador de Trânsito, ferramenta do Hacklab, núcleo de desenvolvimento de tecnologia, que simula o tráfego a partir de diferentes limites de velocidade. A plataforma interativa explica como o limite de velocidade máxima impacta no trânsito da via.

Segundo a plataforma, a redução do limite de velocidade diminui o trânsito da via. Isso acontece porque quando o limite é baixo, os motoristas ficam mais calmos e o tráfego flui melhor. Com o limite máximo de 50 km/h, a velocidade média fica em torno de 39 km/h.

simulador de transito

Já com o limite a 70 km/h, o tráfego flui mais rápido e os motoristas começam a correr. Apesar de parecer que estão andando mais rápido, os motoristas perdem o espaço suficiente entre os carros e dão freadas bruscas que comprometem o fluxo.

A vontade de correr dos motoristas impende que a onda de engarrafamento se desfaça. "Para desfazer o engarrafamento, é necessário que cada motorista corra menos no espaço livre", diz a plataforma. Neste limite, a velocidade média fica em torno de 21 km/h.

velocidade 70

O projeto foi realizado a partir de um outro simulador criado por Martin Treiber, Treiber, Cátedra de Modelagem de Tráfego, Econometria e Estatística na Universidade Técnica de Dresden, na Alemanha.

"O modelo que usamos é exatamente o mesmo desenvolvido pelo pesquisador", escreveu o núcleo no Facebook . "Nossas modificações se resumem a deixar alguns parâmetros fixos, como densidade de carros, passagem do tempo e proporção de caminhões, por exemplo. Com isso, isolamos o efeito do limite de velocidade. Implementamos também o cálculo da velocidade mínima, média e máxima dos veículos simulados. E, finalmente, preparamos alguns comentários para facilitar o entendimento do que está acontecendo."

Apesar de provar que reduzir o limite de velocidade ajuda a aumentar a velocidade média nas vias, o Hacklab diz que o simulador não deve ser um modelo de São Paulo, uma vez que a cidade é mais complexa do que a plataforma. Porém, o núcleo explica como é possível a diminuição a velocidade máxima melhorar a velocidade média.

"Nosso objetivo maior neste trabalho é influenciar as políticas públicas. Queremos o aprofundamento de políticas urbanas que pensem a cidade para as pessoas e coloquem a proteção da vida em primeiro lugar. Nossas ferramentas são a ciência, tecnologia e informação."

Redução da velocidade é tendência global

Não só São Paulo ganhou novos limites de velocidade. Na verdade, nos últimos anos, a redução da velocidade em estradas, avenidas e ruas se tornou uma tendência global, seguida por cidades como Paris, Londres e Nova York.

A capital da Inglaterra adotou nos últimos anos a velocidade limite de 32 km/h nas ruas e avenidas da cidade com intuito de reduzir acidentes de trânsito. Paris também diminuiu de 70 km/h para 50 km/h, assim como Nova York, que diminuiu o limite de velocidade para 40 km/h, chegando a 32 km/h em algumas vias.

Outras cidades que reduziram a velocidade limite são Tóquio (50 km/h), Lima (40 km/h) e Berlim (50 km/h). As informações são do site UOL.

LEIA MAIS:

- Vale a pena reduzir o limite de velocidade das marginais em SP?

- Doria promete aumentar velocidade das marginais na 1ª semana de governo

Também no HuffPost Brasil

Close
8 ideias bobas que viraram negócios milionários
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção