Huffpost Brazil

Lava Jato: Governo FHC vira alvo de inquérito da Polícia Federal

Publicado: Atualizado:
FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
Former Brasilian President, Fernando Henrique Cardoso arrives for a press conference at Technological of Monterrey Institute in the framework of 'Regional Forum: Safety, Drug Policy and Arms Control' in Mexico City on March 7, 2013. The forum was organized by Commission on Drug Policy and former Presidents of Colombia, Cesar Gaviria and Ruth Dreifuss from Switzerland were invited, too. AFP PHOTO/ Yuri CORTEZ (Photo credit should read YURI CORTEZ/AFP/Getty Images) | Getty Images
Imprimir

O governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso também virou alvo da Operação Lava Jato. A Polícia Federal do Paraná abriu um inquérito para investigar a compra de termoelétricas pela Petrobras entre 1991 e 2001, envolvendo as empresas Alstom/GE e NRG.

Ao G1, o delegado Roberto Biasoli afirmou que a investigação tem como base a delação premiada do ex-diretor de Internacional da estatal Nestor Cerveró.

Em depoimento à PF, Cerveró afirmou que recebeu propina na compra de máquinas e R$ 200 mil da empreiteira Camargo Corrêa, por meio do lobista Afonso Pinto Guimarães. Segundo ele, o valor foi pago em parcelas de R$ 15 mil entre 1999 e 2000.

Leia aqui a íntegra da delação

Cerveró também afirmou que outros diretores da Petrobras receberam propina. Entre os citados está o senador cassado Delcídio do Amaral, também investigado na Lava Jato. A defesa de Delcídio nega as acusações.

Ao G1, a GE informou que não iria se manifestar. "A GE não foi notificada sobre o inquérito e, por isso, não comenta especulações."

LEIA MAIS:

- Operação Lava Jato: Quando o alvo são os abusos da investigação que parou o País

- Antonio Palocci preso: Entenda a 35ª fase da Operação Lava Jato, que mira o ex-ministro

- STF autoriza investigação preliminar sobre Temer na Lava Jato

Mais no HuffPost Brasil:

Close
Entenda a Operação Lava Jato
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção