Huffpost Brazil

MC Carol e Karol Conka estão juntas e a favor da independência da mulher no single '100% Feminista'

Publicado: Atualizado:
KAROL
Reprodução/Instagram
Imprimir

Patriarcado: tremei!

MC Carol e Karol Conka lançaram nesta quinta-feira (6) o single 100% Feminista. Com produção de Leo Just e Tropkillaz, a faixa também pode chamada de uma explosão em prol do feminismo.

A faixa aborda a opressão sofrida pelas mulheres, a experiência de vida das cantoras - ambas negras e de origem periférica -, além da perspectiva de cada uma sobre o feminismo.

Ao afirmarem que mulheres independentes, que não aceitam opressão, as cantoras citam na faixa nomes como Elza Soares, Frida Kahlo, Nina Simone e Dandara dos Palmares – mulheres que ícones da independência feminina.

Em entrevista ao jornal O Globo, MC Carol, que completa 23 anos nesta quinta, falou sobre a sua visão de feminismo:

“Eu não sabia que era feminista. Eu já era desde criança, mas não sabia que tinha um nome para isso, para essa forma de pensar. Vim descobrir há pouco tempo, acho que no ano passado, através da minha empresária. Ela me explicou o significado e eu me identifiquei. Essa música explica por que eu sou feminista, por que eu tenho essa forma de pensar. Hoje em dia, estou muito melhor, mas eu achava que, em um relacionamento, alguém tinha que bater e alguém tinha que apanhar. E, depois de tudo o que eu presenciei, eu vi que não queria ser esse tipo de mulher submissa. Eu quero bater.”

No refrão de 100% Feminista, ponto alto da música, funkeira e rapper se apresentam da mesma forma, como “Carol / Karol bandida”, que representa a “mulheres 100% feministas”.

Ouça o single no player abaixo:

Contundente, a faixa estará no próximo disco de MC Carol, ainda sem título, a ser lançado nas próximas semanas.

Em julho, a funkeira nascida em Niterói já havia lançado um prévia do disco, um primeiro single também engajado, batizado de Delação Premiada.

Sob ritmo de trap funk, a música fala sobre racismo, faz uma crítica à violência policial nas favelas cariocas e ao tratamento diferenciado que empresários e políticos criminosos recebem da Justiça no Brasil - em especial os investigados pela Operação Lava Jato.

Ouça:

À época, MC Carol falou à Folha sobre a importância do funk em sua trajetória:

"O funk é uma libertação, uma forma do favelado se comunicar e mostrar o que acontece dentro da comunidade para as pessoas que não sabem. Quero contar coisas que acontecem lá todos os dias: um morador inocente que é morto, uma criança que leva uma bala na cabeça. Não são todos os casos que vão parar na televisão.”

Estamos ansiosos por este álbum, Carol!

TAMBÉM NO HUFFPOST BRASIL:

Close
Frases inspiradoras de famosas sobre o feminismo
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção