Huffpost Brazil

Candidato à Prefeitura de BH pelo PHS, Alexandre Kalil tem repertório de declarações machistas

Publicado: Atualizado:
KALIL
Reprodução/Facebook
Imprimir

“Se me vir com uma mulher feia, separa que é briga.”

“Essa taça (a Libertadores) é muito melhor que mulher, até porque ela acorda calada. E mulher nunca acorda calada”.

Estas duas declarações foram feitas pelo candidato à Prefeitura de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS), em entrevista o canal BH News, logo após a conquista da taça Libertadores pelo Atlético Mineiro, em 2013. Kali presidia o clube na época.

As falas machistas que circulam pelas redes sociais explicam o motivo pelo qual o candidato enfrenta resistência principalmente entre o público feminino.

Há outras declarações como esta no repertório do candidato. Em 2014, ele atacou uma torcedora do grêmio. “Que bobagem, uma babaca feia para c... chamando um atleta de macaco. PQP, como ela é feia!”, publicou no Twitter.

Pesquisa Datafolha do último dia 12 mostra que Kalil tem 29% das intenções de voto, atrás de João Leite (PSDB), que tem 36%. Votos brancos e nulos representam 22% e indecisos, 13%. Entre as mulheres, Leite tem 37% e Kalil, 24%. Já entre os homens, cada um tem 35%.

LEIA TAMBÉM:

- Em BH, o tucano João Leite sai na frente e vai para o segundo turno com Kalil

- Em 1994, Lisa Simpson já se incomodava com brinquedos feitos apenas para 'meninas'

Mais no HuffPost Brasil:

Close
12 capas da Marvel em homenagem às mulheres
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção