Huffpost Brazil

Lula lidera todos cenários para a presidência em 2018, aponta pesquisa CNT/MDA

Publicado: Atualizado:
Imprimir

lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera as intenções de voto para eleição presidencial de 2018, tanto na intenção espontânea quanto na intenção de voto estimulada nos cenários para o primeiro turno, segundo pesquisa CNT/MDA, divulgada nesta quarta-feira (19), pela Confederação Nacional do Transporte (CNT).

Considerando as intenções espontâneas - quando não são mostradas opções de candidatos aos entrevistados -, Lula é lembrado por 11,4% dos entrevistados, seguido por Jair Bolsonaro (PSC), com 3,3%, e Aécio Neves (PSDB), com 3,1%.

O atual presidente, Michel Temer (PMDB), aparece apenas em quarto lugar, com 3% das intenções espontâneas de voto. Marina Silva (Rede Sustentabilidade) é a quinta, com 2,4%.

bolsonaro

Mudam os adversários, mas Lula lidera

Foram três cenários simulados pela CNT/MDA. Em todos eles, apresentando os possíveis candidatos aos eleitores, Lula aparece como favorito. No primeiro cenário, onde os candidatos eram Lula, Aécio, Marina Silva, Ciro Gomes (PDT), Jair Bolsonaro e Temer, Lula é o principal escolhido, com 24,8% das intenções de voto, Aécio Neves é o segundo, com 15,7% e Marina Silva tem 13,3%.

Em segundo cenário, numa possível disputa entre Lula, Marina, Geraldo Alckmin (PSDB), Ciro Gomes, Jair Bolsonaro e Temer, Lula amplia sua vantagem, com 25,3% das intenções de voto, seguido por Marina (14%) e Alckmin (13,4%).

Lula lidera ainda um terceiro cenário, onde disputaria a presidência com Aécio, Marina e Bolsonaro. O ex-presidente teria 27,6%, seguido por Aécio (18,9%), Marina (16,5%) e Bolsonaro (7,9%).

No segundo turno, Lula fica atrás. Temer perde todos cenários

aecio alckmin

Em um eventual segundo turno, a vantagem do ex-presidente Lula desaparece. O petista aparece em desvantagem nas disputas com Aécio e Marina. Em todos os cenários em que Temer aparece, ele acaba derrotado.

Numa decisão de segundo turno entre Aécio e Lula, a eleição seria vencida pelo tucano, por 37,1% a 33,8%. Outros 23,7% seriam votos brancos e nulos e a pesquisa ainda aponta 5,4% de indecisos. Já numa eventual disputa contra Marina, a ex-ministra teria 35,8% dos votos e Lula ficaria com 33,2%.

Lula venceria, porém, numa eventual disputa contra o atual presidente Michel Temer, com vitória de 37,3% a 28,5%. Temer acabaria derrotado também por Aécio (38,2% a 16,4%) e Marina (38,1% a 23,7%).

Em um segundo turno entre Aécio e Marina Silva, o senador do PSDB seria vitorioso, com 35,4%, e Marina ficaria com 29,5%.

A pesquisa CNT/MDA foi realizada de 13 a 16 de outubro e foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 estados. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%.

LEIA TAMBÉM:

- Com dívida de R$ 8 mi, Haddad pede ajuda na Internet para pagar gastos da campanha

- Doria: 'Haddad é maior e melhor do que o partido a que pertence'

-
Qual é o futuro do PT? 'O conteúdo é bom, mas o rótulo está desgastado'

- Lula lá? Freixo aceita apoio do PT, mas dispensa a presença de Lula