Huffpost Brazil

'Bandido bom é bandido morto': É o que pensam 57% dos brasileiros, segundo pesquisa Datafolha

Publicado: Atualizado:
HANDCUFFED
Jean Pierre Harerimana / Reuters
Imprimir

Para 57% da população brasileira, "bandido bom é bandido morto". É o que mostra a pesquisa Datafolha encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Os dados fazem parte do 10º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, que será divulgado nesta quinta-feira (3).

O índice subiu em relação ao ano passado, quando 50% dos entrevistados afirmaram concordar com a frase. O número é maior em cidades com menos de 50 mil habitantes (62%).

Entre os homens, 60% concordam e 32% discordam. Já entre as mulheres, 55% concordam e 36% discordam. Além disso quanto maior a idade, maior a concordância. Na faixa de 16 a 24 anos, 54% concordam. Já para os que têm 60 anos ou mais, 61% estão de acordo.

Policial vítima

A pesquisa revelou também que 64% dos brasileiros acreditam que os policiais são vítimas de criminosos. O anuário do FBSP aponta que, em 2015, 393 policiais foram assassinados 16 a menos do que no ano anterior.

Segundo o anuário, os policiais brasileiros morrem mais fora do horário de trabalho do que a serviço da corporação: foram 103 mortes durante o expediente (alta de 30,4% em relação a 2014) e 290 fora do serviço (queda de 12,1% em relação a 2014), geralmente em situações de reação a roubo. "O policial, muitas vezes, reage a um roubo sem estar protegido, não têm um colega do lado, ou está trabalhando em 'bicos'”, diz ele.

A pesquisa mostra ainda que 63% dos brasileiros acreditam que os policiais não têm boas condições de trabalho. Para pouco mais da metade (52%), a Polícia Civil faz um bom trabalho esclarecendo crimes e 50% crê que a Polícia Militar garante a segurança da população.

“A sociedade brasileira reconhece a importância das policias, reconhece que elas são fundamentais para a manutenção da nossa democracia, mas os policias não estão tendo boas condições de trabalho, são caçados pelo crime. Mas também, a forma como eles atuam não satisfaz a população”, avalia Renato Sérgio de Lima, diretor-presidente do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

LEIA MAIS:

- 5 coisas que você deve saber antes de dizer que 'bandido bom é bandido morto'

- ONU: Decisão sobre Carandiru é 'uma das mais sérias violações aos direitos humanos'

- QUIZ! Quem disse isto: Jair Bolsonaro ou Eric Cartman?

Também no HuffPost Brasil

Close
Bolsonaro não leu a Declaração Universal de Direitos Humanos
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção