Huffpost Brazil

Bolsonaro comemora vitória de Trump e deseja o mesmo para Brasil em 2018

Publicado: Atualizado:
BOLSONARO TRUMP
Montagem / Agência Câmara / Reuters
Imprimir

Após a confirmação de que Donald Trump foi eleito o novo presidente dos Estados Unidos, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) parabénizou os americanos pela escolha e desejou que o Brasil tenha um resultado similar nas eleições presidenciais de 2018.

"Vence o melhor, o patriota, aquele que lutou contra tudo e todos. Em 2018 será o Brasil no mesmo caminho", afirmou. Ele também classificou a eleição americana como "justa, sensata e merecida".

Pela tarde, em reunião no Conselho de Ética da Câmara, onde é alvo de um processo por quebra de decoro, Bolsonaro disse que é alvo de perseguição polícia e que será candidato nas próximas eleições.

"Eu sou candidato em 2018, gostem ou não gostem. Cassem o meu mandato, mas não fiquem me caluniando. Não menti e não o ofendi em absolutamente nada. Eu peço a renúncia do meu mandato caso apareça que eu chamei ele disso ou daquilo que estão falando por aí", afirmou.

As declarações foram feitas durante reunião do Conselho que analisa o caso do deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ), que cuspiu em Bolsonaro na sessão do impeachment de Dilma Rousseff. Wyllys alega que apenas reagiu a insultos do parlamentar.

Bolsonaro responde a processo por ter homenageado o coronel torturador Carlos Alberto Brilhante Ustra, torturadores do regime militar, ao votar pelo impeachment de Dilma.

No Twitter, a hashtag "Bolsonaro2018" chegou a ser um dos assuntos mais comentados no início da manhã.

Alguns dos posts criticavam a vitória de Trump e a possível candidatura de Bolsonaro em 2018.

LEIA TAMBÉM

- Putin e outros líderes mundiais comentam vitória de Donald Trump

- Donald Trump presidente e pesquisas impregnadas de imprecisão

Também no HuffPost Brasil:

Close
Donald Trump em campanha
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção