Huffpost Brazil
Marcella Fernandes Headshot

Dilma endossa ocupações contra 'PEC do Teto': 'É fim do mundo para a educação'

Publicado: Atualizado:
DILMA
Roberto Stuckert Filho /PR
Imprimir

Fora do governo desde abril, a ex-presidente Dilma Rousseff demonstrou apoio às ocupações nas escolas e criticou o teto de gastos públicos e a reforma do Ensino Médio propostos pelo presidente Michel Temer.

"A mobilização de vocês é fundamental. Nas ocupações de escolas e universidades estão as mais importantes trincheiras contra o retrocesso, pela democracia e pelos direitos sociais", afirmou em vídeo publicado nas redes sociais.

Para a ex-presidente, a reforma do Ensino Médio "conduzida de forma autoritária, sem diálogo com os setores envolvidos, é mais um ataque à democracia".

Ela ressaltou também o impacto social da PEC 55/2016, que limita o teto de gastos públicos por 20 anos. "A PEC reduz orçamento da educação criando um teto que limita por 20 anos o gasto público. O gasto com a educação da creche à pós-graduação. não é à toa que muitos se referem a essa PEC como 'PEC do fim do mundo'. De fato ela é a PEC do fim do mundo para a educação brasileira."

A proposta do novo regime fiscal deve ser votada em primeiro turno no plenário do Senado em 29 de novembro e em segundo turno em 14 de dezembro. O texto estabelece que as despesas gerais da União serão limitadas com base no valor do ano anterior somado à inflação do período.

Os recursos para saúde e educação vão se manter em 2017 seguindo as aplicações mínimas previstas na Constituição. A partir de 2018, serão corrigidos pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), publicado pelo IBGE.

Temer criticou diversas vezes às ocupações e ironizou o conhecimento dos estudantes sobre o teto de gastos públicos. Em entrevista ao programa Roda Viva exibida na noite desta segunda-feira (14), ele voltou a minimizar os protestos.

"Na minha época, você examinava, discutia, chamava pessoas para dialogar e, às vezes, protestava fisicamente. O que vejo hoje – e quando digo isso as pessoas acham que eu fiz ironia, e não é isso, estou dizendo a realidade – é que há muito protesto físico, não há protesto argumentativo, oral, intelectual".

LEIA TAMBÉM

- Mais uma vitória de Temer: PEC do teto passa em comissão do Senado

- 'PEC do Teto': Seguranças usam spray de pimenta para barrar estudantes no Senado

- Taxação de grandes fortunas: Oposição sugere alternativas à PEC do Teto

Também no HuffPost Brasil:

Close
'Escolas de Luta': Retratos das ocupações que sacudiram o Brasil
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção