Huffpost Brazil

Campanha #EuEscolhoSalvaroPolicial discute quem deve ser salvo: Policial ou bandido

Publicado: Atualizado:
Imprimir

salvar policial

Uma campanha na internet está discutindo as preferências da sociedade diante de policiais e bandidos feridos com necessidade de atendimento de urgência.

Sob a hashtag #EuEscolhoSalvaroPolicial, usuários do Facebook estão publicando vídeos e imagens em resposta ao programa Encontro com Fátima Bernardes da última quinta-feira (17), que, para divulgar o filme Sob Pressão e o dilema vivido por médicos de pronto-socorros, perguntou aos convidados quem eles preferiam salvar: Um policial levemente ferido ou um traficante em estado grave.

No trecho exibido do filme Sob Pressão, um dos médicos responde que "vai operar quem está morrendo na nossa frente".

encontro fátima bernardes

Um dos vídeos publicados, pela página Segurança Pública ES, faz uma pergunta para Fátima usando uma situação fictícia que envolve a apresentadora. Dois soldados da Polícia Militar do estado participam do vídeo, que foi compartilhado por mais de 50 mil pessoas. Um deles, que se identifica como Soldado Poncio, diz:

"Pra nossa não surpresa, o pessoal decidiu socorrer primeiro um vagabundo. Agora a gente queria fazer uma enquete, o seguinte:

Perguntar pra Fátima se ela fosse vítima de um estupro – o que a gente não quer que aconteça, mas pode acontecer – chegando no local uma ambulância que só poderia socorrer uma pessoa, tendo em vista que ela tava com uma faca e acabou atingindo o seu estuprador, deixando o cara gravemente ferido. E aí, Fátima, quem você socorreria primeiro? Quem a ambulância teria que socorrer primeiro: Você, o cara ou o estuprador? Responde pra gente aí. Tamo aguardando a sua resposta."

Usuários do Twitter e páginas do Facebook, como a do 4º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (BAEP), da zona leste de São Paulo, também se posicionaram a favor dos policiais no dilema apresentado:

LEIA MAIS:

- 5 coisas que você deve saber antes de dizer que 'bandido bom é bandido morto'

- ONU: Decisão sobre Carandiru é 'uma das mais sérias violações aos direitos humanos'

- Todos os dias o Brasil registra 'um Carandiru e meio' em mortes por arma de fogo, aponta Mapa da Violência 2016 (ESTUDO)

Também no HuffPost Brasil

Close
13 livros infantis sobre direitos humanos
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Sugira uma correção