Huffpost Brazil
BLOG

Apresenta novidades e análises em tempo real da equipe de colaboradores do HuffPost Brasil

Carlie Maree Headshot

Uma carta para a nova namorada do meu ex-marido

Publicado: Atualizado:
CARTA
LOLOSTOCK VIA GETTY IMAGES
Imprimir

Ainda não nos conhecemos, mas como agora você é parte da vida do meu marido, também é parte da minha. É importante para mim que a gente comece com o pé direito e estabeleça um certo entendimento, pois nossas vidas podem estar ligadas por anos.

Este homem por quem você está se apaixonando, ele foi o grande amor da minha vida. Fui sincera quando fiz meu votos, tantos anos atrás. Tinha a intenção de passar minha vida com ele, mas, como você sabe, as coisas não aconteceram bem assim.

Estou te contando isso porque quero que você entenda que às vezes, quando vou buscar minha filha e vejo vocês juntos no lar que nós construímos, ficarei um pouco magoada. Às vezes só vou querer buscá-la, sem ficar para bater papo. Não é porque não gosto de você ou estou sendo mal educada. É só porque tenho de voltar para o carro e chorar um pouco.

Por favor, entenda que estou feliz que você entrou nas nossas vidas. Quero que ele seja feliz. Tentei fazê-lo feliz, mas não estávamos preparados para as mudanças que uma criança traria para o relacionamento: ambos ficamos de coração partido.

Nunca senti dor igual à do dia em que descobri que nosso casamento estava irreparavelmente danificado. Não tenho certeza se ele te contou sobre o fim do nosso casamento, mas por favor entenda que foi terrível para nós dois e as feridas ainda estão abertas, pelo menos para mim.

Uma coisa que quero dizer diretamente; não vou tentar conquistá-lo de volta. Entendo que é possível sentir saudade de algo sem querer aquilo de volta. Sinto saudade da nossa família e da nossa casa, mas também sei que as coisas não voltariam a ser como antes. E eu não quero que isso aconteça. Passamos um terço de nossas vidas juntos, e muito desse tempo foi incrível, mas não seria para sempre.

Sei que sou "a ex" e que você não tem de gostar de mim, mas espero que não seja assim. Temos algumas coisas importantes em comum. O homem que você ama, eu também o amava. As coisas que você vê nele, eu também as via. A menininha que te abraça e te serve chá de mentira, ela é meu mundo.

Adoro que ela te adora. Por favor, saiba isso. Nunca tentarei mudar isso ou te impedir de ter uma ligação com ela.

Minha filha tem um pai ótimo. Se você puder fazê-lo feliz, e por consequência minha filha, ótimo. Eu e ele, como pais, inevitavelmente passaremos por frustrações. Ele pode reclamar as coisas que eu faço.

Faz parte da situação em que nos encontramos. Saiba que nunca falarei mal de você para a minha filha, e peço o mesmo de você. Na verdade, espero que você seja a guardiã dessa promessa.

É importante para mim que minha filha tenha um grupo de pessoas queridas, que cuidem e queiram o melhor para ela. Como filha de pais separados, posso te dizer que a melhor coisa para ela é que essas pessoas se deem bem e colaborem, mesmo que nem sempre se entendam.

Pode parecer estranho, mas quero que essa separação seja positiva para ela. Ela sempre terá duas casas e, provavelmente, dois pais e duas mães. O papel de madrasta ou padrasto nem sempre é fácil, e as fronteiras podem ser complicadas de navegar.

O pai da minha filha te convidou para entrar na vida dela, o que significa que, mesmo que o relacionamento seja novo, você já faz parte da criação dela. Tudo o que peço é que dê amor, estabeleça laços com ela, seja sincera. Somos pais de primeira viagem e estamos descobrindo tudo, mas por favor também respeite nossos papeis e colabore para manter os limites que estabelecermos para ela.

Esse assunto é emotivo para mim, e não espero que você entenda ou sinta empatia pela minha posição, mas acho que no fundo o que quero dizer é: "Seja bem-vinda". Bem-vinda à equipe que cria essa menina linda, sapeca e única que é nossa filha.

Espero que vocês construam um novo e lindo amor, que irradie sobre nossa menina. Uma das melhores coisas que uma criança pode ter são pais que se amam. Com um pouco de sorte e muita compreensão, nossa menina terá isso em dobro.

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

- Somos a geração que não quer relacionamentos

- A incrível história das pessoas que se doam demais

Também no HuffPost Brasil:

Close
10 medos que matam os relacionamentos
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual