Huffpost Brazil
BLOG

Apresenta novidades e análises em tempo real da equipe de colaboradores do HuffPost Brasil

Guilherme Mendes Ayala Headshot

Obrigado Moby, mas a verdade digital dói

Publicado: Atualizado:
Imprimir

Conhecido por suas canções carregadas de críticas sociais e ativismo em prol do meio ambiente e comunidade LGBT, o cantor e DJ Moby, divulgou o clipe do projeto Moby & The Void Pacific Choir, com o disco de estreia previsto para o final do ano. O artista divulgou o clipe de "Are You Lost in The World Like Me?" ("Você Está Perdido no Mundo do Like" - tradução literal).

2016-10-19-1476905537-9656502-mobyvid1476722081compressed.png

Mesmo quieto por um tempo, o músico apresentou um novo clipe com ingredientes verdadeiros, sólidos e que dizem: "Ei cara, o mundo a sua volta está sumindo e você tá mais interessado em "ganhar likes?". Com direção de Steve Cutts, o personagem em cartoons inspirados nos anos 20, coloca de forma cínica, porém real, qual o valor que damos ao mundo REAL e qual damos ao mundo virtual. Veja o clipe abaixo:
https://www.youtube.com/watch?v=VASywEuqFd8

Ele desenha um mundo deprimente, onde transportes públicos estão cheios de pessoas hipnotizadas pelas redes, smartphones e suas interações sociais estão limitadas por "likes" e "smiles". Claro, todos os nossos aplicativos favoritos, como Facebook, Instagram e outros; mas sem noemá-los abertamente. Mas não somente o excesso de tempo na internet foi usado como foco de crítica, como também os ídolos falsificados contemporâneos, capazes de alimentar ainda mais a necessidade de ficarmos conectados para saciar suas rendas e seus patrocinadores. Nada descrito na animação é novidade, mas, ter a consciência em doses singulares de que estamos realmente vivendo isso, é uma tristeza imensa. Quase impossível de ficar fora dela.

O mundo bem como a sociedade passa por mudanças, o rádio pelo MP3, a TV aberta pelo streaming, e por ai vai. Hoje é uma outra era, num contexto em que a individualidade gera em cada um, a necessidade de ter o EGO bem cuidado. Os likes representam a carência do lado humano, a afetividade cara a cara diminuiu dando abertura para que a Second Life seja muito mais interessante e menos desgastante.

Moby surgiu numa fase musical, então o clipe deixa um gosto amargo na boca e uma reflexão sobre qual o nosso limite neste universo paralelo?

LEIA MAIS:

- 'Trabalhe mais, chore menos': Esse é o desejo do governo Temer

- As Olimpíadas serão um mega legado para o Brasil

Também no HuffPost Brasil:

Close
Eleições municipais 2016
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual