Huffpost Brazil
Kate Bartolotta Headshot

10 coisas que quero dizer aos meus filhos antes que eles fiquem cool demais pra me ouvir

Publicado: Atualizado:

Minha filha completa 10 anos esta semana, e, pensando nisso, duas coisas me ocorreram:

>> Como é que fui parar com uma filha de 10 anos? Será que algum adulto de verdade vai aparecer no pedaço para me ajudar?

>> Há tantas coisas que quero dizer a ela - antes que ela chegue ao segundo grau e fique cool demais para me dar ouvidos.
Estas são dez coisas que quero dizer a ela e ao irmãozinho dela antes que eu passe de repente de Mamãe, aquela que sabe tudo, para Mãe, aquela que não entende nada, nada mesmo.

1. "No final vai ficar tudo bem. Se não ficar tudo bem, não será o fim do mundo."

Acredito realmente, do fundo do meu coração, no que disse John Lennon. Passamos por momentos difíceis, e você passará por momentos muito difíceis sozinha - mas vale a pena. Esses momentos constroem seu caráter e a ensinam a ter compaixão. Hoje, vejo que algumas das melhores coisas de minha vida nasceram de coisas que foram muito sofridas quando eu estava passando por elas. Portanto, quando as coisas lhe parecem impossíveis, ou quando você sentir que nunca mais vai sair do buraco ou ficar bem de novo, saiba que um dia você vai olhar para trás para tudo isso e ficar espantada. Vai ficar tudo bem.

2. A questão toda das drogas e do álcool na realidade não diz respeito a drogas e álcool.

Você vai querer experimentar coisas; eu entendo isso. A maioria de nós experimenta alguma coisa, quer seja pedir um cigarro de um amigo que você acha mais cool que você, ficar de porre numa festa ou fumar um baseado porque parece que todo mundo menos você está fumando. Mas tudo isso é apenas mais uma maneira de não estar presente. Na realidade, estar presente, ter consciência do que está acontecendo de verdade, é o máximo. E quando você procura a bebida ou drogas (ou comida, ou compras ou qualquer outra coisa) numa tentativa de fugir daquele sentimento de não ser cool, o sentimento não desaparece. Mais dia, menos dia você vai ter que lidar com ele, e a vida vai ficando cada vez mais bacana quando você encara esse problema de frente. (Aparte: se as coisas saírem do controle e você não souber o que fazer, ligue para mim. Se ficar sem graça de me telefonar, ligue para seu tio Charles.)

3. Entenda o que é que você gosta e mergulhe fundo nisso.

Se você passar sua vida tentando definir-se a partir do que outras pessoas gostam, vai ficar infeliz. Experimente as coisas, experimente tudo. Veja o que é que faz você ouvir música em sua cabeça e faz seu coração bater mais forte, e então vá fundo nessa coisa. Descubra tudo o que puder sobre essa coisa. Procure outras pessoas que curtam a mesma coisa. Se você perder tempo fazendo de conta que gosta de uma coisa "X" só porque pessoas que você acha bacanas gostam dessa coisa, vai acabar com as pessoas erradas em sua vida. Ame o que você ama de verdade e seja você mesma. Você acabará cercada por pessoas que combinam com você.

4. Não tenha medo de errar.

Sempre gostei desta frase de Neil Gaiman:

"Se você está cometendo erros, então está fazendo coisas novas, experimentando coisas novas, aprendendo, vivendo, ampliando seus limites, transformando seu mundo."

Não podemos criar nada de valioso sem cometer algum engano. Seja uma pintura, um relacionamento, uma carreira profissional, uma vida - sempre vamos pisar na bola. Se você esperar até saber tudo antes de tentar se lançar uma coisa, vai passar a vida esperando. Eu ainda não sei tudo, mas vivo tentando. Os erros não são fracassos - é errando que aprendemos.

5. Você merece respeito.

Você merece respeito de mim, de seu pai, seus amigos, seus professores - de todo o mundo em sua vida. A melhor maneira de ser respeitada pelos outros é você mesma se respeitar. Fale com clareza e com a cabeça erguida. Defenda aquilo em que acredita. Faça as escolhas que lhe parecem certas. E, se alguém em sua vida a estiver tratando com desrespeito, exija que mude. Se isso não mudar, limite o tempo e a influência que essa pessoa tem em sua vida. Precisamos de pessoas em nossa vida que nos contestam e discordam de nós, para aprendermos a ouvir pontos de vista diferentes. Mas não precisamos ser constantemente arrasados por pessoas que não nos respeitam.

6. A primeira pessoa que chamar sua atenção não será "A Pessoa" de sua vida.

E provavelmente a segunda também não o será, nem a terceira, nem a quarta. Sabe por que? Porque "A Pessoa" é você mesma. O amor não é algo que está aí fora e que outra pessoa pode lhe dar. É algo que já está dentro de você. É aquela parte dourada de cada um de nós que nos faz vibrar. Alguns dos melhores momentos da vida acontecem quando criamos uma conexão real com outra pessoa e compartilhamos com ela o amor que temos dentro de nós. Mas nunca se esqueça de primeiro amar a você mesma. Quando você começa por amar e respeitar a si mesma, dar amor aos outros passa a ser infinitamente melhor. Você vai encontrar muita gente incrível em sua vida, e espero que pelo menos uma vez na vida encontre alguém com quem dividir aquele amor, alguém com quem criar uma parceria de verdade. Antes disso, apaixone-se por sua própria vida, porque ninguém mais poderá fazer isso por você.

7. A paixão é maravilhosa e não é a mesma coisa que o amor.

Transar com alguém que você ama é uma coisa maravilhosa. Mas não é a única coisa. Você vai trocar primeiros beijos que sentirá no corpo inteiro, até a ponta do dedão, e vai pensar "Meu Deus, eu amo esse cara", mas... na realidade, o que você amou foi o beijo. Você vai ver alguém e sentir algo que parece um amor de cinema, mas na realidade é apenas química fenomenal. Você vai explorar esta parte da vida com pessoas que não estarão nessa para o longo prazo, e isso não é mau. A vida é uma série de histórias, e o modo como nossas histórias se cruzam é fascinante. Às vezes, elas só se cruzam por um capítulo da história. É preciso uma pessoa corajosa para saber quando aquele capítulo terminou e deixar que ele termine sem traumas.

8. A gentileza sempre é uma resposta apropriada.

Quando você for adulta, vai esquecer muitas das coisas que pareciam tão importantes quando você estava no colégio e faculdade. Não vai mais lembrar de sua média de notas. Vai olhar para seus antigos colegas de classe no Facebook e tentar lembrar por que diabos você tinha uma queda por aquele cara. Vai olhar para as fotos antigas e rir daquele penteado que usava. Mas nunca vai se esquecer das pessoas que foram realmente gentis com você, que a ajudaram quando você estava magoada, que a amaram, mesmo quando você não se sentia digna de ser amada. Seja essa pessoa com seus amigos.
9. Eu não tenho todas as respostas, mas estou sempre pronta para ouvir.

Hoje, você e seu irmão pensam que eu tenho todas as respostas. Sei que essa fase está chegando muito perto de acabar, mas de certo modo fico feliz com isso. Uma das maiores dádivas que meus pais me deram foi a sabedoria deles, mas eles me mostraram que os adultos não ficam parados: eles continuam a crescer. Continuam a aprender. Quando descobrem que uma maneira de fazer uma coisa não funciona, se reerguem e tentam outra. A maturidade real significa saber abrir mão do que não funciona e ser aberta a tentar outra coisa. Vocês vão cometer seus próprios enganos e descobrir suas próprias respostas. E, enquanto estiverem tentando resolver as coisas, eu vou estar sempre aqui, pronta para ouvir.

10. Nunca é tarde demais para viver uma vida da qual você sinta orgulho.

Se você aprender uma coisa apenas comigo, que seja essa. A gente tem uma chance apenas de viver. Não há limite de idade para mudar de rumo na vida, e passar a vida vivendo de um jeito não autêntico é um trágico desperdício da vida. O escritor F. Scott Fitzgerald expressou isso melhor:

"Nunca é tarde demais, ou, em meu caso, cedo demais para ser quem você quer ser. Não existe limite de tempo: pare quando quiser. Você pode mudar ou pode permanecer igual - não existem regras para este tipo de coisa. Podemos aproveitar ao máximo ou estragar tudo. Espero que você aproveite ao máximo. E espero que você veja coisas que o surpreendam. Espero que sinta coisas que nunca antes sentiu. Espero que conheça pessoas com pontos de vista diferentes. Espero que viva uma vida da qual você sinta orgulho. Se descobrir que não o fez, espero que tenha a coragem de recomeçar tudo de novo."

Amo você. Vá cometer erros maravilhosos e apaixonar-se por sua vida.

MAIS CONSELHOS NO BRASIL POST:

8 conselhos que toda mãe deveria ouvir
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual

Pela web

8 conselhos de mãe que a gente deve escutar - Família ...

Sete conselhos valiosos para mães de primeira viagem | Minha Vida