Huffpost Brazil
BLOG

Apresenta novidades e análises em tempo real da equipe de colaboradores do HuffPost Brasil

Rodrigo Borges Headshot

Qual o tamanho do seu problema?

Publicado: Atualizado:
Imprimir

2016-05-31-1464657158-6437833-Calmagente_Post1701.png

É senso comum que lidar com problemas pequenos é melhor do que lidar com grandes. Mas isso não é necessariamente verdade. É claro que pequenos problemas são normalmente mais fáceis de ser resolvidos. Entretanto, acostumar-se a resolver apenas os pequenos não é um bom negócio.

Chamo de pequenos problemas aqueles cotidianos: um atraso, um prato que veio errado no restaurante, um erro de cálculo do contador, um pneu furado, um amigo que sempre atrasa, etc. É possível que, ao pensar em tais eventos, alguém possa considerá-los grandes problemas. Entretanto, quero revelar exatamente porque esse tipo de raciocínio equivocado pode ser considerado.

Sua vida tem proporção equivalente aos desafios que ela impõe.

E um desafio nada mais é do que um problema. Entretanto, se você não pensa grande, só lhe resta pensar pequeno. É nesse momento que o cotidiano bate à porta. Grandes desafios não costumam surgir por acaso, como ocorre com os pequenos. Os grandes a gente precisa criar.

Não é à toa que o pessoal da série Silicon Valley insiste em brincar com o fato das empresas de tecnologia reivindicarem a responsabilidade de mudar o mundo. Isso é uma forma megalomaníaca de criar um grande problema a ser resolvido. E funciona.

É claro que os pequenos problemas são importantes e merecem atenção. Mas até determinado nível. Um grande problema - como pousar um sonda em um asteroide, ou descobrir fontes renováveis de energia, ou aprender a pular de paraquedas, ou se casar, ou fazer uma longa viagem ou aprender a andar de skate - faz a vida girar com mais potência e colabora, inclusive, para a solução dos pequenos problemas, que passam a ser enxergados como barreiras incômodas à realização de algo significativo e grandioso.

E aí, qual o tamanho do seu problema?

LEIA MAIS:

- Quando algo quebra

- Assuma a responsabilidade

Também no HuffPost Brasil:
Close
Ansiedade: 5 coisas úteis para dizer aos ansiosos
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual