Huffpost Brazil
BLOG

Apresenta novidades e análises em tempo real da equipe de colaboradores do HuffPost Brasil

Superela Headshot

10 coisas que toda mulher solteira do século 21 deve saber

Publicado: Atualizado:
WOMEN POWER
Rekha Garton via Getty Images
Imprimir

*Texto escrito por Lorena Muniz, no Superela.

O empoderamento feminino é uma tendência cada dia mais presente na sociedade. Para nossa alegria, não é mesmo? Mas, como somos frutos de uma sociedade machista, muitas mulheres ainda ficam meio perdidas nessa coisa do que pode e do que não pode no quesito "libertação feminina dos ideais da família tradicional".

Além disso, existe todo um conflito em torno do ideal distorcido de que toda mulher verdadeiramente empoderada deve rejeitar a ideia de casar e ter filhos.

Moça, isso é falso.

O que toda mulher verdadeiramente empoderada faz é se questionar sobre as razões que a levam a querer o que ela quer. O casamento que ela tanto almeja é por uma imposição social ou porque ela realmente acha maravilhosa a ideia de construir uma vida ao lado de alguém?

Ela quer ter filhos porque acha que essa é a missão natural das mulheres na Terra e que as que rejeitam essa missão estão fugindo do caminho natural da vida ou porque tem o sonho de poder ver um ser humano que ela gerou crescer e se desenvolver e de conhecer o que é o amor materno?

Então, para ajudar vocês a brilharem muito como as mulheres empoderadas que são ou que querem ser, seguem 10 dicas do que pode e do que não pode no quesito "empoderamento feminino e independência sexual":

1. Queira o que você quiser

Você tem liberdade para desejar. Seja o que for. Você é livre pra querer namorar sem ser considerada desesperada/encalhada à procura de salvação, é livre pra gostar de ser solteira e só estar interessada em sexo casual, é livre pra ser solteira mas não curtir sexo casual. Você é livre! Mas lembre-se: as outras mulheres também são. Então evite julgá-las se os desejos delas forem diferentes dos seus.

2. Cada vida, uma escolha

O casamento e a procriação não são a missão natural de toda mulher na terra. VOCÊ define sua missão. Se quiser ser Amélia, seja. Se quiser ser solteirona viajando o mundo, seja. Se quiser ser um pouquinho de cada, seja também. Mas saiba que suas escolhas só valem para a SUA vida.

3. Escolha!

Informação importante: você é livre para escolher. Não fique esperando ser escolhida sempre. Escolher é uma delícia. Não é feio chamar o cara pra sair. Isso não diminui seu valor se não diminuir o dele quando ele lhe chamar também. Não fique esperando a iniciativa pro primeiro beijo, pra primeira transa, pro pedido de namoro. Por que cabe ao cara decidir quando é o momento de um relacionamento sério? Quando ele lhe pede em namoro ele corre tanto risco de rejeição quanto você se pedi-lo.

4. A sociedade somos nós

Ainda vivemos numa sociedade conservadora, mas não deixe isso castrar você. Ou a gente começa a fazer diferente, ou nada muda. Então seja clara quando só estiver interessada em sexo casual. Não tenha vergonha, não se sinta obrigada a ficar fazendo o velho "c* doce". É um desperdício de energia. Mas (a não ser que seja o seu desejo) não aceite ser tratada como objeto só porque só está interessada em uma relação casual. Respeite e exija respeito. Quem determina seu valor é você e não o outro.

5. Tá liberado usar aplicativo de paquera!

Os aplicativos de paquera estão aí para serem usados. Não se acanhe. Por que o medo de encontrar pessoas conhecidas lá? Não estão todos ali pela mesma razão? Por que não é vergonhoso pro homem mas é para a mulher? Se um cara conhecido fizer alguma piadinha porque lhe viu lá, devolva a piadinha pra ele.

Mais no Superela:

- Seu prazer é bem mais importante que uma gozadinha

- Sexo é um ato político. Empodere-se!

6. Seja clara!

Se usar os aplicativos, também não tenha vergonha de dizer que não está ali pelo sexo e sim pela paquera. A maior parte dos caras lá não entendeu ainda que o aplicativo é de PAQUERA e não de open sex. Às vezes precisamos explicar. Diga a eles que se eles querem sexo garantido podem procurar num estabelecimento destinado a isso. Lá eles pagam pelo serviço e podem exigir a prestação. Mas se você não tiver problemas em transar com qualquer um que rolar o match, transe também. Apenas tenha em mente que você não é obrigada a nada.

7. Pode dar!

Transas de primeiro encontro podem ser as melhores transas da sua vida! Acreditem! Não tenham vergonha. Pode dar!!! Tá liberado!!!

8. Abra seu coração sem medo

Se você estiver apaixonada pelo cara, diga! É bem verdade que o ser humano ainda tem dificuldade em receber afeto quando não se sente da mesma forma. Fica se sentindo obrigado a retribuir. Mas isso é uma bobagem. Seja clara e diga que você não está esperando que seja recíproco. Que você só queria mesmo verbalizar seu sentimento. Agora, se você estiver esperando que seja recíproco, bom, aí já não tem muito como lhe ajudar. Ou o cara sente o mesmo ou não. Paciência.

9. Não vale falso moralismo

Você é solteira hoje, mas pode não ser amanhã. E se não for, por favor, evite o falso moralismo. Todos os conceitos de liberdade sexual feminina valem exatamente da mesma forma você sendo solteira ou comprometida. Vamos parar com essa coisa de com uma semana que começou a namorar tratar mulheres solteiras como se elas fossem pobres coitadas infelizes precisando serem salvas por algum homem que faça elas enxergarem o verdadeiro lugar delas no mundo. Vamos parar com essa coisa de só porque está namorando não falar mais sacanagem com as amigas, não comentar foto do boy gato no WhatsApp, não sair com mulheres solteiras sem seu homem do lado. Você só tá namorando. Não morreu ainda.

10. Seu valor quem determina é você

Seja dona de si!!! Pare de viver com tanto medo de não ser o que os outros determinaram que você deveria ser/fazer pra ter valor. Tudo que você pensar que um homem pode fazer, você pode fazer também se quiser. Até xixi em pé. O único pressuposto pra isso é o seu desejo. Esqueça o que a família tradicional brasileira vai falar. Ela deveria estar cuidando da própria vida. Se não está, é porque não está cumprindo bem seu papel e, portanto, não serve de exemplo, não é mesmo?

2016-05-10-1462911163-4235274-gifsuperela.gif

Vamos transitar pela nossa independência sexual com naturalidade.

Vamos ocupar nosso lugar na nossa liberdade!

LEIA MAIS:

- Tenho saudade de ter mãe, tenho saudade de ser filha

- O clitóris é um universo a ser descoberto

- O que vocês pensam sobre sexo casual em apps de relacionamento?

Também no HuffPost Brasil:
Close
Frases inspiradoras de famosas sobre o feminismo
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual