Huffpost Brazil
BLOG

Apresenta novidades e análises em tempo real da equipe de colaboradores do HuffPost Brasil

Superela Headshot

Taylor Swift é vista com Tom Hiddleston e o machismo (de novo) mostra a sua cara

Publicado: Atualizado:
TAYLOR SWIFT
Suzanne Plunkett / Reuters
Imprimir

É difícil imaginar porque a vida amorosa de qualquer um merece virar manchete, mas, para Taylor Swift, isso parece ser muito mais comum do que é possível imaginar.

Apenas algumas semanas depois de terminar o relacionamento com Calvin Harris, a cantora voltou para o centro dos holofotes ao ser flagrada aos beijos com o ator Tom Hiddleston.

Quando as fotos foram divulgadas, na última quarta-feira (15), a internet ficou em frenesi porque, ao que parecia, a cantora mais uma vez tinha mudado de namorado como muda de roupa e isso, claro, é fruto de discórdia.

A questão não é quem Taylor está namorando agora, mas sim a forma como a mulher é tratada. Taylor é um caso muito claro do conhecido slut-shaming, ou seja, o comportamento de humilhar de alguma forma uma mulher porque ela foge dos padrões considerados aceitáveis por conta da sua vida sexual.

Basicamente, todas as vezes que uma mulher é chamada de 'puta' ela está sofrendo com isso.

E com Taylor não é diferente, exceto pelo fato de que o mundo inteiro faz isso com ela. E mais, é sempre o comportamento dela que fica em destaque e nunca dos homens com quem ela sai.

Isso já não é de hoje.

Mesmo quando terminou com Calvin Harris, Taylor teve o relacionamento jogado na própria cara - afinal, é claro que ele deu um pé nela, não é mesmo? - e os comentários de 'esperando a música pós-término' invadiram as redes sociais.

"Meu primeiro pensamento sobre Tom Hiddleston e Taylor Swift: o próximo CD dela vai ser MUITO INTERESSANTE."

Por que incomoda tanto o fato de Taylor - ou qualquer mulher, diga-se de passagem - namorar um cara depois do outro?

Como uma mulher jovem, descompromissada, a cantora não deve nada a ninguém e se ela quer começar outro relacionamento, ou só ter um caso de alguns dias, com outra pessoa, ela é livre para escolher por isso.

Porém, é fato que muitos ainda não veem as coisas dessa maneira e comentários que indicam que a cantora estava com o ator só para causar ciúmes no ex ou que diziam que todos estavam 'torcendo por ela' porque esperavam que ela ficaria sozinha por um tempo foram mais comuns do que qualquer um gostaria.

"A Taylor Swift precisa ficar longe do Tom Hiddleston"

Alguns até mesmo acharam que as fotos de Taylor pareciam falsas, forjadas, como se o ensaio tivesse sido feito propositalmente para chamar a atenção. Além de tudo, ela ainda é taxada de insensível, afinal, ficou mais de um ano com o antigo namorado e nem esperou um mínimo de tempo respeitável antes de começar a namorar novamente.

E o que aprendemos com tudo isso? Que é preciso parar de se importar com o que as mulheres fazem das suas vidas.

Criticar Taylor porque ela 'já' está com outra pessoa é o mesmo que criticar qualquer mulher que agiu de forma semelhante.

É julgar uma situação sem saber quais as premissas e porque as pessoas decidiram ficarem juntas naquele momento.

Como também foi comentado nas redes sociais: a vida é muito curta para ficar na fossa.

E Taylor está certíssima em fazer aquilo que tem vontade e não se deixar levar por julgamentos alheios ou pelos haters.

Texto publicado originalmente no Superela.

LEIA MAIS:

- Não era amor, era machismo

- Protagonismo na paquera: machismo ou medo da rejeição?

- Eu não sou puta

- Desabafo sobre a violência que sofremos todos os dias

Também no HuffPost Brasil:

Close
39 famosos apaixonados por pessoas 'comuns'
de
Post
Tweet
Publicidade
Post isto
fechar
Slide atual